Telefonia móvel completa 30 anos no Brasil

Em 1990, a habilitação de uma linha celular custava US$ 22 mil. Confira o vídeo.

Apesar das primeiras redes comerciais já estarem ativas desde 1979 no Japão e na Suécia, a telefonia móvel só estreou no Brasil em dezembro de 1990, há exatos 30 anos.

A primeira ligação móvel no país ocorreu em 30 de dezembro de 1990.


Na época, o país tinha apenas 667 aparelhos habilitados. Eram apenas 17 estações rádio base implantadas pela Telerj Celular, até então a única operadora nacional, com capacidade para atender 10 mil celulares.

Os primeiros celulares utilizados no país eram do modelo EZ-2400-A (foto da matéria), da japonesa Nippon Electric Company (NEC). Ele tinha um monofone conectado a uma caixa retangular, podendo ser transportado com uma alça pendurada no ombro.

O dispositivo contava com chamada em espera, transferência de chamada, viva voz, conferência e não perturbe.

VIU ISSO?

–> Joseph Safra: Morre o fundador da operadora BCP Telecomunicações

–> Anatel realiza solenidade para comemorar o seu 23º aniversário

–> Fábio Faria quer criar nova agência regulatória no lugar da Anatel

De acordo com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), em 1990, para habilitar uma linha celular o usuário precisava pagar US$ 22 mil (R$ 114,02 mil na cotação atual).

ECONOMIZE! 💰 Compare os planos das operadoras de celular e escolha o mais vantajoso para você.

Em dezembro de 2000, o preço caiu para US$ 12 (R$ 62,19). Há alguns anos, a habilitação não é mais cobrada dos usuários.

Desde 2005, há mais telefones móveis do que fixos. Atualmente, o Brasil conta com 230,2 milhões de linhas de celular, quantidade superior ao número de brasileiros no país.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários