Cliente da TIM vira pós-pago sem solicitar alteração

Em ligação, atendente da operadora comunicou que era apenas um bônus; já imaginou se a moda pega?

Imagem: Ilustração TIM (Noun Project)
Imagem: Ilustração TIM (Noun Project)

Os métodos agressivos de migração ou venda de planos pós-pagos fizeram mais uma vítima: uma consumidora da TIM.

Margareth Aparecida Collin, de 55 anos, fazia parte da cartela de clientes pré-pagos da operadora, até que, misteriosamente, começou a receber faturas.


O infortúnio teve início após a auxiliar de departamento pessoal receber um telefonema da operadora, com o aviso de que ela colocou “muitos créditos” e receberia um bônus por isso, até maio.

Dias depois, faturas de R$ 65,99 começaram a chegar em sua residência.

VIU ISSO?

–> Claro e TIM fazem descontão em smartphone, sem inflar valores

–> TIM adere aos pagamentos via PIX; veja como usar

–> TIM pode espelhar planos móveis da Oi

A consumidora explica que recebeu uma migração para o pós-pago sem nunca ter solicitado.

Em tentativas de resolução com a operadora, entrou em contato com a Central de Atendimento e ouviu a promessa de que o plano seria cancelado.

ECONOMIZE! 💰 Compare os planos das operadoras de celular e escolha o mais vantajoso para você.

Entretanto, nada foi feito e a linha foi cortada, já que a cliente não estava disposta a pagar por um serviço que nunca solicitou.

O caso só foi solucionado após explanação na imprensa, na qual a operadora comunicou que o plano pós-pago da consumidora havia sido cancelado.

Com informações de Agora SP (Folha de São Paulo)

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
3 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários