Netflix sofreu ‘onda de cancelamentos’ nos últimos dias

Polêmico filme no catálogo motivou uma evasão de assinantes do serviço, segundo analisou uma empresa de consultoria.

Divulgação Netflix
Imagem: Divulgação Netflix

A polêmica do filme “Lindinhas” ainda reverbera negativamente para a Netflix. Dados recentes mostram que a plataforma sofreu uma “onda de cancelamentos” por causa do filme.

O drama francês gerou uma grande polêmica ao ser acusado de “sexualizar” crianças, mesmo com defesa de profissionais da indústria e até mesmo do Governo da França.


As autoridades do país destacaram que as críticas se baseavam em imagens descontextualizadas e reducionistas do filme.

Maïmouna Doucouré, diretora do longa, explicou que a intenção é contrária. A ideia era promover uma crítica a sexualização precoce de crianças. Mas, os argumentos não foram suficientes e a polêmica se alastrou com força mundo afora.

VIU ISSO?

–> Governo Federal pede exclusão no catálogo da Netflix

–> Netflix é o streaming que mais aposta em lançamentos

–> Netflix revela mais de 30 lançamentos para novembro

De acordo com a consultoria Antenna, a empresa sofreu mais cancelamentos nos cinco dias seguintes após o lançamento do filme do que nos últimos 30.

Na matemática, é como se a evasão tivesse quintuplicado após a estreia de “Lindinhas”.

Entre agosto e setembro, o número de cancelamentos do streaming foi também oito vezes maior, de um mês para o outro.

Confira abaixo a publicação da consultoria:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
2 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários