Dona da Vivo recebe aprovação para extinguir ações preferenciais

Intenção é aumentar a liquidez e o valor de mercado da companhia.

A Telefônica, proprietária da Vivo (VIVT3 / VIVT4), anunciou ao mercado na noite desta quinta-feira, 1º, que a Assembleia Geral Extraordinária da Companhia (AGE) e a Assembleia Geral Especial dos Titulares de Ações Preferenciais da Companhia (AGESP) aprovaram e ratificaram a conversão de todas as ações preferenciais (PN) da companhia em ações ordinárias (ON).

A conversão de ações já tinha recebido sinal verde da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e do Conselho de Administração da Telefônica.


Ao todo serão convertidos 1,1 bilhão de ações na proporção de uma para uma, extinguindo todos os papéis preferenciais da Telefônica/Vivo.

Com a conversão, a ideia é melhorar a governança, potencializar a liquidez e aumentar o valor de mercado da empresa.

Aqueles acionistas que não concordarem com a mudança poderão se retirar da companhia recebendo um reembolso de R$ 40,38 por cada ação preferencial.

Entretanto, a Telefônica esclarece que só terá o direito de reembolso aquele que não votou favoravelmente à conversão de ações, se absteve de votar ou não compareceu à AGESP.

VIU ISSO?

–> Telefônica revela impacto do coronavírus nos resultados da Vivo

–> Dona da Vivo vende sua operação móvel na Costa Rica

–> Donas da Claro e Vivo desistem de negócio em El Salvador

A companhia diz que a aprovação terá efeitos imediatos e que informará ao mercado sobre a implementação do processo de conversão.

Pela legislação, os acionistas detentores de ações ordinárias tem direito a voto em assembleias. Já aqueles que tem ações preferenciais não podem votar ou tem alguma restrição neste direito.

Com informações de Relação com Investidores Telefônica/Vivo.

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários