Assembleia online será positiva para Oi

Avaliação foi feita pelo Bradesco BBI, apesar de o encontro ter sido programado inicialmente para ser presencial pela operadora.

Ilustração - Conferência online
Imagem: Pikist

A Oi (OIBR3 / OIBR4) bem que se preparou, mas a Justiça acatou com o pedido do Itaú e do Banco do Brasil. A tão esperada assembleia geral de credores da operadora vai ocorrer online, apesar de agendada inicialmente para ser presencial.

Em sua própria defesa, a tele divulgou uma série de procedimentos e regras sanitárias adotadas para que o encontro fosse seguro aos credores, devido ao momento de pandemia.


Mas, pelo visto, os argumentos não foram suficientes para garantir a assembleia presencial. O Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro determinou que a realização deve ser online.

No entanto, fazer o procedimento não será ruim para a Oi, segundo o Bradesco BBI.

Primeiro pelo fato de a operadora não correr mais riscos de ter sua assembleia geral dos credores cancelada, já que o evento é de extrema importância para o avanço da venda dos ativos.

Segundo que a participação de alguns credores estará mais fácil, já que muitos não estavam em condições de comparecer presencialmente.

VIU ISSO?

–> Oi repudia matéria da VEJA que prevê falência da companhia

–> Oi estreia nova campanha publicitária

–> Oi recebe nova oferta: R$ 1,07 bilhão pelas torres

Por fim, o banco destaca que são dois fatores que aumentam as chances de aprovação do novo plano de recuperação judicial da companhia.

É na assembleia que a Oi vai aprovar a venda dos ativos de telefonia móvel, assim como os de data center, torres, TV por assinatura e parte da empresa criada para administrar a infraestrutura de rede da marca (InfraCo).

Com informações de InfoMoney

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários