TV por assinatura vive exaustão de reprises na quarentena

Colunista destaca que, em determinados momentos, alguns canais chegam a exibir os mesmos filmes simultaneamente.

Ilustração
Imagem: Pixabay

Uma recente publicação do colunista Flávio Ricco chama atenção para a exaustão de reprises na TV por assinatura, que ficou ainda maior com a adesão ao isolamento social preventivo ao novo coronavírus.

Os canais cresceram, principalmente os de filmes. Com mais pessoas em casa, os televisores ficaram ligados por mais tempo e o controle remoto trabalhou.


No entanto, um problema que já persistia entre os canais pagos acentuou ainda mais: a exaustiva reprise de conteúdo na TV por assinatura.

Tudo graças ao modelo de janelas, que primeiro prioriza os cinemas para depois conceder acesso aos canais. Com o comércio da exibição em telonas paralisado, os canais simplesmente não recebem mais novidades.

Flávio Ricco destaca, inclusive, a exibição constante de filmes como “Guardiões da Galáxia”, “Gladiador” e “Até o Último Homem”, campões de reprises nos canais pagos.

Já aconteceu até mesmo de um mesmo filme ser exibido simultaneamente em dois canais ao mesmo tempo.

VIU ISSO?

–> Canal da TV por assinatura será descontinuado após 10 anos

–> Brasileiros já trocaram a TV por assinatura pelo streaming

–> TV por assinatura pirata pode sobrecarregar provedores de internet

É um problema que só deve melhorar com o retorno dos lançamentos nos cinemas. Coisa que ainda deve demorar, já que as redes voltam antes mesmo dos estúdios.

Nos últimos dias, estúdios como Disney, Warner, Paramount, Universal e outros adiaram suas grandes apostas. Nenhuma empresa quer lançar filmes com potencial para gigantescas bilheterias em cinemas que vão operar com 25% de suas capacidades.

Não à toa, o streaming não para de crescer. A Netflix, por exemplo, tem um ritmo acelerado de lançamentos e oferece o modelo “sob demanda”, onde o usuário escolhe o que vai assistir e não fica refém de uma programação.

Com informações de R7

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
2 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Natan Silva

A dublagem também havia paralisado por conta da pandemia, e muitos conteúdos não ficaram prontos a tempo para o público. A situação da TV paga é delicada. Zapeando pelos canais você encontra um conteúdo interessante, no meu caso isso acontece. O que prejudica é o excesso de reprises infelizmente. Até o Telecine tem reprisado filmes constantemente, no dia seguinte o mesmo filme do dia anterior. É hora de se reinventar, de oferecer um preço justo, a internet se mostra a cada dia mais sólida e forte no mercado.

Cidade - UF
Brazil
Marcia Sampaio

fui assinante deste 2007, sky , vivo e claro satelite já faz 2 anos que cancelei e só tenho assinaturas de streaming , tenho a tv apple 32 G 4k e foi a melhor compra que fiz na vida!Este canais da tv a cabo sempre tiveram reprises a HBO sempre reprisou filmes sem parar e os canais da globosat idem. Deste o ano passado 2019 notei que a reprises vem aumentando ate no canal ID que não havia muito (isso tudo antes do virus covid).Meu pai assinou o IPTV piratex por que possui o premiere. Ja assinei e cancelei starzplay… Leia mais »

Cidade - UF
SP
Última edição 2 meses atrás de Marcia Sampaio