Brasileiros já trocaram a TV por assinatura pelo streaming

Ibope nos aplicativos de vídeo sob demanda já supera o dos canais pagos, mesmo em tempos de pandemia.

Ilustração - TV
Imagem: Andrea Piacquadio (Pexels)

De fato, a pandemia gerou um aumento na demanda pelos meios de entretenimento. A TV por assinatura, obviamente, está inclusa nessa lista, mas o período de isolamento social não foi suficiente para colocar o segmento no patamar de ascensão do streaming.

Os aplicativos de vídeo sob demanda no Brasil registraram uma média de 6,9 pontos e 14,6% de share no horário mais rentável para os canais abertos e fechados de TV, entre 7h e 00h.


Já a TV por assinatura ficou na média de 6,7 pontos, 14,1% de share, com aquela ajuda extra do período de isolamento social, que promoveu um aumento de ibope para a TV paga.

Quem traz os números para a imprensa é o jornalista Ricardo Feltrim. Além das informações acima, o jornalista destaca que na média das 24 horas, houve um empate entre o streaming e a TV paga, de 5,7 pontos.

Cada ponto equivale a 250 mil residências. O share representa a quantidade de TVs ligadas em cada período.

O streaming brasileiro é comandado por plataformas como Netflix, Amazon Prime Vídeo, Globoplay, Telecine Play, Apple TV+, HBO Go, UOL Play, PlayPlus, Oi Play e outras. Algumas inclusive ainda estão para despontar no cenário.

VIU ISSO?

–> Brasileiros assinam mais de 2 serviços de streaming simultaneamente

–> Disney fecha canais da TV paga para focar no streaming

–> SKY Play: Clássicos do cinema para maratonar no Dia dos Namorados

Mas, a Netflix segue soberana e, apesar de não revelar seus dados de assinantes e audiência, já deve acumular mais de 15 milhões de assinaturas apenas no Brasil.

Será que os gigantes Disney+ e HBO Max conseguem reverter esse cenário em 2021? É aguardar para ver.

Com informações de UOL

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários