TIM e Vivo estão mais perto de concretizar a compra da Oi Móvel

Executivos das duas companhias admitiram o interesse conjunto em dar continuidade no processo de aquisição das operações móveis da Oi.

Na manhã desta quarta-feira, 6, durante conferências de apresentação de resultados do primeiro trimestre, os presidentes da TIM e da Vivo deram sinais de que as negociações para a compra da Oi Móvel estão bem avançadas.

A Oi liberou dados financeiros para a análise dos interessados em “due dilligence”. Neste processo, as empresas analisam as possibilidades e perspectivas para o futuro do negócio, além do estado de seus ativos e passivos.


Segundo o presidente da TIM, Pietro Labriola, a empresa já recebeu as informações financeiras da Oi e que a sua expectativa é que daqui um mês poderá ter uma posição mais clara sobre a possível aquisição das operações móveis da concessionária.

“A crise do Covid-19 não mudou o nosso interesse de dar mais valor aos nossos acionistas e ao Brasil, que poderá contar com três players de telefonia móvel mais fortes”, disse Pietro.

Já o CEO da Vivo, Christian Gebara, também confirmou que a companhia iniciou o processo de avaliação financeira para a compra da Oi Móvel.

“Temos interesse conjunto em analisar com a TIM, pois a venda está acontecendo em um processo legal específico. Pedimos acesso a informações para, se entendermos que faz sentido, fazer uma oferta vinculante”, afirmou o executivo da Vivo.

Segundo rumores, a venda da Oi Móvel já foi concretizada, e que a TIM e Vivo estão apenas aguardando o momento certo para anunciar a aquisição. Espera-se que a primeira fique com a maior parte, 70% das operações, e a segunda com os 30% restantes.

VIU ISSO?

–> TIM divulga primeiros impactos da COVID-19 nas receitas

–> Mesmo com pandemia, Vivo mantém crescimento em fibra e TV paga

–> Oi ganha nova avaliação positiva

Apesar das boas notícias nos últimos meses, a venda da sua divisão móvel poderia colocar um fim ao longo processo de recuperação judicial da Oi, que se arrasta desde 2016.

Seguindo o seu planejamento estratégico, a Oi pretende focar seus investimentos e operações na expansão da oferta de internet por fibra óptica no país.

Com informações de Telesíntese.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
12 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
felipi

Agora eu fiquei preocupado, pois qual das duas dará sinal a oi em SP, tim ou vivo? Se for o excelente sinal da vivo fico feliz , mas se não for, vai ser um problema, pois ter tim é viver sem sinal.

Cidade - UF
Carapicuíba SP
Renata Viana Silva

Provavelmente a Vivo vai ficar com a parte da Oi no Centro Oeste, Norte e Nordeste (praças onde a Vivo tem menor market Share) e a TIM com o Sul e Sudeste (onde a Vivo é mais forte).

Cidade - UF
Anapolis
Vando Araujo

Lembre-se que a vivo só vai ficar com 30%, logo a mesma ira abocanhar menos regiões.

Cidade - UF
aracaju-se
Teo Santos

Não pode só levar em consideração o Market Share, o espectro é um ativo muito importante e limitado, e depois da compra da Nextel pela Claro que ficou mais robusta nesse sentido. Uso Nextel em Aracaju e melhorou 100% na prestação de serviço depois que passou a usar rede da claro. E as frequências da Oi vão gerar um Bom desempenho para vivo e tim com a chegada do 5G.

Cidade - UF
Aracaju-Se
Vando Araujo

Você está pensando da maneira errada. Irá somar as torres, com isso a cobertura irá melhorar. Clientes da OI iram sair ganhando

Cidade - UF
ARACAJU- SE
Juninho

Menos concorrência, menos oferta, menos promoção, mais monopólio, mais preços abusivos, mais cartel. A venda da Oi deveria ser para uma empresa de fora ou um novo player nacional! Agora fatiar a empresa com duas mercenarias, nunca será bom para o consumidor!

Cidade - UF
São Paulo - RJ
Vinícius Guerra

A Anatel deve ter proibido que outra empresa estrangeira se instalasse no Brasil. O barulho das operadoras é muito forte e sabemos que a Anatel, sempre defendeu muito mais os interesses das operadoras que do consumidor. Eu mesmo adoraria que uma Vodafone viesse para o Brasil. Mas uma coisa é certa, a Oi está quebrada, sem fluxo de caixa, sem capacidade de investimento, com o capital da TIM e da Vivo, com certeza irá melhorar a empresa, agora cabe as duas operadoras rivais no mercado, se entenderem e dividirem as ações na nova Oi. Como será feita essa divisão de… Leia mais »

Cidade - UF
Rio de Janeiro
Vando Araujo

Acho meio difícil uma operadora querer arriscar entrar no mercado com toda essa crise e desvalorização da moeda.

Cidade - UF
aracaju-se
Vando Araujo

Se não mexerem nos planos atuais, clientes OI iram ficar no lucro, nao vao ter mais aquela dor de cabeça quando o assunto é sinal e cobertura.

Cidade - UF
aracaju- se
Vinícius Guerra

Precisa ficar bem claro como será essa participação da TIM e Vivo. Se as duas operadoras, rivais de mercado, serão parceiras ao mesmo tempo e acionistas da Oi.

Espera-se que a Oi sob nova direção, continue ofertando os seus planos, aprimorando e melhorando a cobertura, é isso que o cliente da Oi aguarda.

Cidade - UF
Rio de Janeiro
Vando Araujo

Provavelmente ambas iram absorver a base de cliente e a OI movel nao ira mais existir.

Cidade - UF
aracaju - se
Renata Viana Silva

A Oi é 2a no Centro Oeste e em vários DDD´s do Nordeste.
Provavelmente a Vivo vai ficar com a parte da Oi no Centro Oeste, Norte e Nordeste (praças onde a Vivo tem menor market Share) e a TIM com o Sul e Sudeste (onde a Vivo é mais forte).

Cidade - UF
Anapolis