Cliente Claro já pode realizar recargas com o auxílio emergencial

Iniciativa permite que clientes insiram créditos no celular sem precisar sair de casa.

Para aqueles trabalhadores informais que foram aprovados para receber o auxílio emergencial de R$ 600 fornecido pelo Governo Federal, durante a pandemia da Covid-19, a Claro está oferecendo a possibilidade de fazer recargas utilizando o saldo do benefício.

O site da operadora recebeu uma atualização para suportar o pagamento da recarga com o cartão de débito virtual oferecido pela Poupança Social Digital. A novidade já tinha sido anunciada pela Vivo.


Por enquanto, o uso do auxílio emergencial para realizar recargas só é possível no site de recargas da Claro. Os outros canais digitais da operadora deverão ser adaptados para o cartão virtual até o final de junho.

Além dos beneficiários do auxílio emergencial, a recarga pode ser feita por correntistas e poupadores do Banco Caixa, por meio do cartão Cartão de Débito Virtual Caixa Elo.

Ao fazer uma recarga de R$ 15 ou mais, utilizando os canais digitais, o cliente Claro receberá 2GB de bônus com validade por 7 dias.

Por enquanto, a TIM e a Oi ainda não anunciaram a nova forma de pagamento, mas é possível utilizar o saldo do auxílio emergencial para efetuar recargas por meio do RecargaPay e o PicPay.

VIU ISSO?

–> Claro vai encerrar sinal aberto de diversos canais da TV Paga

–> Claro manifesta preocupação com custos da telefonia fixa

–> Claro e Vivo dominam ranking lançado pela Anatel

ECONOMIZE! 💰 Compare os planos das operadoras de celular e escolha o mais vantajoso para você.

Para isso, basta acessar o perfil das carteiras digitais, e adicionar o cartão virtual da Caixa com a bandeira Elo como forma de pagamento. A partir daí, basta fazer o procedimento de recarga e pagar por meio do cartão virtual.

Com informações de Tecnoblog.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
3 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários