Atriz e YouTuber perde a linha contra operadoras

Em vídeo, celebridade xinga e mostra aborrecimento contra as empresas de telefonia no Brasil; entenda.

Imagem: Antônia Fontenelle

Envolvida em polêmicas e conhecida por ter uma personalidade forte, a atriz e youtuber Antônia Fontenelle fez um grande desabafo contra as operadoras de telefonia nos últimos dias.

No vídeo, compartilhado via redes sociais, a celebridade menciona TIM, Vivo, Claro e Oi com palavrões e se queixa das incessantes ligações que recebe de operadoras.


Para completar, Fontenelle comenta também sobre a falta de educação das atendentes que a abordam pelo telefone e ligam em horários completamente inadequados.

A atriz ponderou sobre duas questões, que são os pedidos por dados pessoais para continuidade do atendimento, além do motivo da importunação.

“Eu não consigo falar no telefone, eu não consigo dormir(…) Eu tenho que botar em modo avião. Só que eu tenho filho na rua, eu tenho neta, minha família mora no Nordeste, eu não posso ficar em modo avião (…) As companhias de telefone ficam ligando para a nossa casa todo dia.”, desabafou a atriz.

Confira abaixo o trecho compartilhado. (Contém palavrões)

Entretanto, apenas um trecho foi compartilhado nas redes sociais. O vídeo na íntegra mostra Antônia Fontenelle no meio de um atendimento com a TIM.

Assim que a atendente pede seus dados, a youtuber se manifesta contra a iniciativa, destaca que é cliente da Claro e ainda assim recebe ligações da concorrente de 07 às 00h.

VIU ISSO?

–> YouTube anuncia severa mudança para os canais infantis

–> Felipe Neto reclama do 4G da Vivo e ganha mais de 10 mil curtidas

–> Influenciadora confunde Wi-fi de 5 GHz da Oi com 5G

Cadastro no Não me Perturbe

O motivo da importunação não foi esclarecido no vídeo, mas é muito provável que seja o problemático sistema de televendas, conhecido também como telemarketing das operadoras.

Para isso, é importante que todos os usuários se cadastrem no Não me Perturbe, iniciativa da Anatel para barrar a prática de ligações abusivas por parte das operadoras.

Se as ligações continuarem após o cadastro, há um campo no próprio site para que o usuário informe sobre o ocorrido. A prestadora correrá o risco de ser multada, caso fique comprovado.

Confira o vídeo completo do canal de Antônia Fontenelle. (Contém palavrões)

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

2
DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, FAÇA LOGIN para comentar
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
APierre
Colaborador
APierre

Acho que ela ainda não conhece bloqueadores de chamadas importunas rs Tem vários e são muito bons.

Cidade - UF
Belém
Vinícius Guerra
Colaborador

Whoscall é um deles, eu uso, funciona!

Cidade - UF
Rio de Janeiro