Samsung planeja seu próprio serviço de streaming

Ideia da fabricante é bem diferente do que a concorrente Apple produziu e terá catálogo exclusivo no Brasil.

Imagem: Divulgação Samsung TV Plus

Quem achou que não poderia surgir mais um serviço de streaming está completamente enganado(a). Se depender da Samsung, teremos mais uma opção de entretenimento nos nossos televisores, mas a proposta da gigante tecnológica é diferente.

A ideia da fabricante é ter um serviço com atuação brasileira e catálogo repleto de novelas antigas, programas culinários, notícias e outros. Algo bem diferente do que a concorrente Apple criou.


Grupos de mídia como a Globo já foram procurados pela companhia, que confirmou o interesse em desenvolver o projeto. Com isso, dá para imaginar que o conteúdo da TV aberta terá uma prioridade na futura plataforma da marca.

Resta saber se a TV Globo terá interesse em embarcar na iniciativa, já que atualmente investe no Globoplay, seu próprio hub de conteúdo digital.

A plataforma, inclusive, abriga todo as atrações exibidas ao vivo na TV aberta, assim como produções exclusivas.

Mas, tudo indica que a ideia é trazer as novelas antigas da emissora e há demanda para isso. Uma rápida navegação pelas redes sociais do Globoplay mostra diversos usuários em pedidos por produções que já foram exibidas há muitos anos e não fazem parte do acervo.

VIU ISSO?

–> “Em cinco anos, ninguém mais usará smartphones”, diz Samsung

–> Menino que estudava em loja da Samsung vai ganhar internet da Claro

–> Samsung domina mercado 5G e faz chinesas ‘comerem poeira’

Em nota, a Samsung explica que o objetivo é oferecer mais opções aos produtores parceiros e contar com diferentes canais dentro das TVs da marca.

Há um modelo semelhante comercializado em países como o Coreia do Sul e Estados Unidos. No entanto, a empresa está na fase dos estudos de mercado e não possui previsão de lançamento.

Nos Estados Unidos, por exemplo, a plataforma é chamada de Samsung TV Plus e vem com uma assinatura gratuita para quem comprou TVs a partir de 2016.

Funciona como uma TV por assinatura e disponibiliza uma série canais para os consumidores da marca.

Se a iniciativa da Samsung conquistar uma atuação global, será uma das principais concorrências para o Apple TV+, que custa R$ 9,90 no Brasil e disponibiliza produções originais.

Com informações de Daniel Castro (UOL)

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
  Acompanhar esta matéria  
Notificação de