Celulares Xiaomi com preço acima de R$ 1.110 terão suporte 5G

Presidente da companhia já havia anunciado que planejava lançar 10 aparelhos com o suporte à rede de quinta geração.

Nesta sexta-feira, 15, durante uma palestra em Guangzhou, na China, Lei Jun, CEO da Xiaomi, anunciou que todos os futuros telefones lançados com preço acima de CNY 2.000 (em torno de R$ 1.100) estarão aptos ao 5G.

Atualmente, a empresa chinesa possui apenas três aparelhos com suporte à rede quinta de geração: o Mi Mix 3 5G, o Mi 9 Pro 5G e o Mi Mix Alpha.


Recentemente, a Xiaomi disse que planeja lançar no próximo ano 10 aparelhos com a tecnologia. A estratégia é oferecer dispositivos baratos com chips 5G. No entanto, a empresa, com sede em Pequim, ainda precisa enfrentar grande concorrência com outras gigantes, como a Huawei. No mercado local, a empresa caiu para o quinto lugar na venda de dispositivos.

Durante o evento, também esteve presente Yang Jie, presidente da China Telecom, que afirmou que tem planos para levar o 5G para 70 milhões de usuários em 2020.

VIU ISSO?

–> Xiaomi expande e anuncia nova loja no Brasil

–> Xiaomi planeja lançar mais de 10 telefones 5G em 2020

–> Xiaomi anuncia o Mi CC, linha de smartphones para jovens

No Brasil, a marca está inaugurando a sua segunda loja, em São Paulo. A data da abertura do estabelecimento está marcada para o próximo dia 23 de novembro.

“Chegamos à segunda loja da Xiaomi no Brasil com uma operação muito fortalecida”, disse Luciano Barbosa, Head da Xiaomi Brasil.

Com informações de GSMArena

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
  Acompanhar esta matéria  
Notificação de