ViaSat lança Wi-Fi comunitário de até 25 Mbps em SP

Ao todo, 20 comunidades do interior paulista devem ser atendidas pela iniciativa. Grande consumo de dados surpreendeu.

Antena da ViaSat instalada.
Imagem: Rafael Roncato/Divulgação

Liberada pela Tribunal de Contas da União (TCU) para dar continuidade aos seus negócios no país, a ViaSat lançou seu primeiro serviço de Wi-Fi gratuito. A cidade contemplada da vez foi Natividade da Serra, em São Paulo, bairro de Pouso Alto.

A região tem cerca de 2.400 habitantes. Até o final de 2019, a operadora pretende atender 20 comunidades do interior paulista e levar o serviço até o Nordeste.


Em Pouso Alto, a conexão é de até 25 Mbps, via satélite, e será gratuita nos dois meses iniciais. A ideia da operadora é entender a demanda do local e fazer os ajustes necessários, já que cada comunidade possui diferentes características.

Os preços ainda não foram definidos, nem mesmo as modalidades. Poderá ser por pacote de dados ou tempo de uso. O valor deve variar entre R$ 2 e R$ 3.

A ViaSat pretende ainda lançar banda larga residencial até o fim do ano, no mesmo modelo dos Estados Unidos.

Na instalação do Wi-Fi comunitário, a operadora contou com a parceria da Visiontec. Para o Nordeste, a pretensão e fechar novos acordos com fornecedores locais, que ainda não foram definidos.

VIU ISSO?
– Governo aprova parceria entre Viasat e Telebras
– Viasat fornecerá sistema de internet à bordo para Aeromexico
– Telebras entrega à Justiça contrato com Viasat na íntegra

O serviço de Wi-Fi comunitário da ViaSat começou no México. O Brasil é o segundo país a receber. A escolhe do bairro foi feita justamente por ser o local mais movimentado da cidade, assim como a região em que os alunos estudam até o 3º ano do ensino médio.

A equipe da operadora destaca que a maior surpresa, até então, foi o volume de download feito pela comunidade desde a implantação do serviço, em 3 de julho. No quinto dia, já ultrapassou a faixa de 100 GB.   

Isso representa um uso médio diário de 15 a 20 GB. O consumou superou expectativas da ViaSat. A instalação da antena foi feita justamente na padaria mais movimentada da cidade. Marco Aurélio de Souza, o proprietário, disse que a vida mudou depois da internet de alta velocidade no local.

“A rotina já começa a mudar com a internet de alta velocidade. Agora é possível ter acesso às contas bancárias, falar com parentes distantes, usar o WhatsApp e Facebook. Há até usuários interessados em colocar o serviço em suas residências”, contou.

A região é atendida com soluções dos provedores HughesNet, via satélite e Niponet, via rádio. Nos serviços de telefonia móvel, a TIM não funciona na região e as demais operadoras só disponibilizam conexão 3G.

A ViaSat fará o uso do satélite SGDC-1, da Telebras. A operação é na banda Ka (espectro 18/28 GHz).

Com informações do Tele.Síntese

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

1
Deixe um comentário

avatar
1 Número de Comentários
0 Número de Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário com mais interação
1 Autores de comentários
Ednei P. de Melo Autores recentes de comentários
  Cadastre-se  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Ednei P. de Melo
Visitante

“Nos serviços de telefonia móvel, a TIM não funciona na região e as demais operadoras só disponibilizam conexão 3G.” — Interessante observar comentários deste tipo, pois moro em uma região em que a única modalidade de acesso é o 3G/4G. Embora o meu smartphone “pobretão” é limitado ao 3G, o serviço da Nextel funciona maravilhosamente bem e estou muito satisfeito.
Só espero que a Claro não estrague a minha felicidade… &;-D