terça-feira, 23 de abril de 2019

5G proporcionará diversa experiência em eventos esportivos

Pesquisa realizada pela Ovum mostra como as empresas estão se preparando para oferecer novas experiências esportivas graças ao 5G.


O 5G transformará a experiência esportiva dos torcedores em estádios e em casa, de acordo com pesquisa realizada pela Ovum para a Amdocs, fornecedora líder de software e serviços para empresas de comunicação e mídia.

Mais de três quartos (78%) das operadoras de rede na América Latina planejam utilizar realidade virtual (VR) e mais da metade (56%) planeja usar a realidade aumentada (AR) - ou ainda um híbrido dessas tecnologias - em 5G, para oferecer experiências de visualização mais ricas aos fãs, tanto em estádios esportivos como assistindo em casa. 

Com a possibilidade de velocidades até dez vezes mais rápidas e latência menor do que a 4G, o 5G abre possibilidades para novos tipos de entretenimento e experiências nos estádios. O público poderá, por exemplo, assistir a replays instantâneos e streams 360 graus ou ainda procurar estatísticas de jogadores através da tecnologia AR e VR, deixando-os ainda mais próximos e conectados à ação.

O 5G também transformará a experiência de assistir a esses eventos esportivos em casa, com 67% das operadoras latino-americanas planejando oferecer novos serviços de streaming de vídeo por assinatura e multitela de TV por assinatura. O 5G melhorará a qualidade da TV e do vídeo para dispositivos móveis e aumentará o alcance do conteúdo móvel disponível para o público, em uma variedade de dispositivos e serviços do consumidor.



A pesquisa entrevistou executivos C-level das 100 maiores operadoras do mundo, incluindo operadoras na América Latina. De acordo com a pesquisa, mais de 40% delas (44%), também pretendem possuir uma equipe esportiva na era 5G, à medida que procuram ampliar seu envolvimento no ecossistema esportivo. Isso provavelmente resultará em investimentos crescentes em conectividade e serviços 5G em estádios e grandes locais.

VIU ISSO?


Pode ser que os fãs da América Latina não tenham que esperar muito para desfrutar de melhores experiências nos esportes. Mais da metade (55%) das operadoras latino-americanas afirmam que os próximos grandes eventos esportivos estão influenciando seus cronogramas de lançamento 5G. A grande maioria (89%) planeja lançar serviços comerciais 5G até o final de 2020 e todos (100%) pretendem testar 5G em locais esportivos e eventos de eSports até o final do ano.



Fãs de eSports - competições profissionais de videogame multiplayer - também terão experiências em 5G no futuro próximo. 

A grande maioria (89%) das operadoras latino-americanas planeja apoiar experiências eSports na era 5G, seja como transmissores dos eventos (78%), parceiros de tecnologia para organizadores desses eventos (56%) ou com planos muito mais ousados, incluindo patrocínio e compra de equipes (22%). A categoria de eSports está crescendo rapidamente em popularidade, com métricas de visualização, prêmios em dinheiro e patrocínios aumentando substancialmente ano a ano, sendo considerada até para se tornar uma nova disciplina nas Olimpíadas de Paris em 2024.

Os consumidores que querem aproveitar o 5G precisarão de dispositivos que suportem essa velocidade. Para garantir a adoção generalizada dessa nova tecnologia de rede, 44% das operadoras latino-americanas disseram estar preparadas para subsidiar dispositivos de TV inteligente habilitados para 5G e um terço disse que subsidiaria smartphones, laptops e fones de realidade aumentada habilitados para 5G.

"É essencial que as operadoras encontrem casos de uso bem-sucedidos para o 5G, dado os níveis de investimento. A pesquisa da Amdocs revelou que grandes eventos esportivos ao vivo podem ser a chave para a adoção do 5G pelos consumidores”, disse Gary Miles, diretor de marketing da Amdocs. 

“As operadoras identificaram esses eventos como o trampolim para o lançamento de toda uma gama de novos serviços interativos e imersivos. Isso dará aos consumidores o primeiro gosto real do que o 5G pode oferecer e permitirá que as operadoras mostrem as capacidades de suas redes de última geração. Também veremos as operadoras se tornarem parte integrante do crescimento do eSports, com o 5G abrindo as portas para futuras oportunidades de investimento e receita”.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ao deixar a sua opinião no Minha Operadora você concorda em respeitar o nosso Código de Conduta.