terça-feira, 26 de junho de 2018

Wi-Fi recebe nova geração de segurança, o WPA3

O que você achou? 
Novos aparelhos passam a oferecer conexão ainda mais segura com a atualização global da Wi-Fi Alliance.

Responsável por definir padrões do Wi-Fi mundialmente, a Wi-Fi Alliance lançou, nesta terça-feira (26), o WPA3, a próxima geração de segurança Wi-Fi.

Depois de mais de uma década sem atualização, com uso do WPA2, as novas capacidades chegam para proteger o Wi-Fi tanto em redes pessoais quanto corporativas, adotando novos recursos que melhoram a segurança em centenas de dispositivos.



A ideia é que as conexões sem fio à internet não fiquem mais vulneráveis com as duas operações lançadas: WPA3-Personal e WPA3-Enterprise.

Na rede pessoal (WPA3-Personal), um recurso novo é o chamado Simultaneos Authentication of Equals (SAE), um novo protocolo de segurança que oferece um reforço extra no sistema de autenticação do Wi-Fi, mesmo se a senha escolhida pelo usuário for fraca. Ele acaba fornecendo mais proteção em casos de tentativas de adivinhação de senha por terceiros.

Também lançado recentemente pela Alliance, o Wi-Fi Certified Enhanced Open protege as redes Wi-Fi abertas, com um programa de certificação reforçado, que blinda a conexão de ameaças em ambientes públicos.

LEIA TAMBÉM:

Na rede industrial (WPA3-Enterprise), chega uma nova forma de segurança equivalente à criptografia de 192 bits, fazendo as transmissões de dados mais sensíveis e confidenciais alcançarem uma proteção adicional, através de uma combinação mais consistente de ferramentas de criptografia, presentes nas redes WPA3.

Por fim, a empresa também trabalhou em uma solução para Internet das Coisas (IoT), chamada Easy Connect. Ela permite que os usuários adicionem qualquer dispositivo à uma rede Wi-Fi com segurança e mais facilidade, ao usar um outro dispositivo, como o smartphone, por exemplo, para escanear o QR-Code do aparelho e completar a conexão.

“À medida que o Wi-Fi evolui para fornecer mais valor em uma rede cada vez maior de uso, é importante que a segurança evolua também. Os novos recursos do WPA3, como melhor autenticação baseada em senha e criptografia mais forte, simplificarão e fortalecerão ainda mais a maneira como consumidores e empresas se conectam à internet todos os dias”, disse o diretor de marketing da divisão de comunicações sem fio e conectividade da Broadcom.

Executivos de outras empresas, como a Cisco, Huawei, Intel e Qualcomm também apoiaram a atualização WPA3 do Wi-Fi.

“Estamos orgulhosos de estar entre as primeiras empresas a oferecer suporte ao WPA3 em todo o nosso portfólio de produtos de infraestrutura móvel e de rede, e estamos trabalhando de perto com a Wi-Fi Alliance e as principais partes interessadas para acelerar sua adoção em todos os principais setores e ecossistemas que dependem de Wi-Fi”, afirmou Rahul PAtel, vice-presidente e gerente geral de conectividade e rede da Qualcomm Technologies.

Além das peças novas, alguns modems antigos também devem receber a atualização do WPA3. A lista completa de produtos certificados pode ser acessada no site oficial da Wi-Fi Alliance.


Nenhum comentário:

Postar um comentário