InícioNotíciasCopa do Mundo deve aumentar consumo de vídeo pelo celular

Copa do Mundo deve aumentar consumo de vídeo pelo celular

Operadoras afirmam que já observavam um crescimento no uso de dados pelos usuários, mas que o mundial irá intensificar essa tendência.


Para não perder nenhum lance da Copa do Mundo, muitos usuários utilizam os smartphones para assistir aos jogos de onde estiverem. Por isso, a expectativa das operadoras é que aumente a quantidade de dados móveis consumidos por quem assiste aos jogos online. 


As empresas enfatizam que esse aumento no número de pessoas conectadas ao mesmo tempo não é um problema, já que suas redes estão preparadas para esse consumo maior. 



A Claro, por exemplo, lançou diversas promoções para os clientes acessarem os jogos, mesmo com chip pré-pago. Além disso, a NET disponibilizou para seus assinantes o acesso aos jogos em resolução 4K.

Conforme a Claro, a Copa de 2014 foi marcada pelo compartilhamento de mensagens e fotos nas redes sociais. Este ano, será a Copa do vídeo

A operadora Oi diz que o mundial não será um ponto fora da curva no crescimento do consumo de vídeo no celular, fenômeno que já é observado pela empresa. 

Para o diretor de produtos de mobilidade e conteúdo da Oi, Roberto Guenzburger, é nítido que as pessoas se sentem inseguras para acessar vídeos usando dados por medo de ficar sem pacote para navegar depois.

Por conta disso, ele afirma que a maioria das pessoas ainda continuarão acessando conteúdo de vídeo por meio do WiFi, o que se torna um desafio para a empresa. 

“O desafio é convencer o usuário a assistir sem medo. Por isso, aumentamos muito os pacotes de dados neste ano. No pré-pago há planos com 3GB, e no pós, para assinantes Oi Total, chega-se a 30 GB de franquia. No celular, isso é muito difícil de consumir em um mês”, explica o diretor.


LEIA TAMBÉM:


Roaming


A Vivo aumentou em 147% o uso de internet móvel por seus clientes no exterior no primeiro trimestre de 2018 em comparação com o mesmo período do ano passado.

Isso se deve a uma estratégia comercial adotada pela operadora para simplificar e tornar mais fácil o uso do celular no exterior.

Para quem pretende viajar para a Rússia para acompanhar os jogos de perto, a Vivo liberou sete dias de roaming para quem usa o plano família 15 GB e também para os clientes Vivo V e Platinum, planos mais caros da operadora.

A TIM também embarcou no clima de copa e turbinou o pacote Liberty Passport Dados

A oferta que normalmente oferece 15 MB diários para os clientes que estão na Rússia, vai aumentar o benefício para 500 MB por dia. A promoção é válida até o dia 12 de agosto.

Já a Claro disponibiliza para seus clientes o pacote Passaporte Europa, em que o cliente paga R$ 19,99 para usar seu plano no exterior. 

Com isso, o usuário que estiver na Rússia poderá aproveitar seu plano como se estivesse em território brasileiro.

Se a tendência no aumento de dados pelos usuários já era forte, com as ofertas das operadoras, esse crescimento deve ser bem significativo. 

1 COMENTÁRIO

Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários