InícioNotíciasFérias? Saiba como suspender seu pacote de TV, internet ou telefone

Férias? Saiba como suspender seu pacote de TV, internet ou telefone

Ao invés de pagar mensalidade pelo serviço que não vai utilizar em casa, a Anatel permite que você suspenda o serviço por tempo determinado. Veja como!

Muitos brasileiros esperam ansiosamente pelo mês de janeiro para sair de férias, fazer uma longa viagem e começar o ano com o pé direito no verão. Uma dúvida que leva a um conselho que muitos querem, mas poucos de fato acabam aproveitando é: posso suspender meu pacote de TV, internet, fixo e celular nesse período?

O plano de celular nem compensa tanto, a não ser que você vá para um destino internacional e não tenha como aproveitar a sua operadora, mas, geralmente, o pacote de TV por assinatura, banda larga e fixo contratado pode ficar ativo em sua casa, gerando um gasto mensal, sendo que ninguém está utilizando. Parece um desperdício de dinheiro, não é mesmo?



Se você já pensou em suspender os serviços da sua casa enquanto fica ausente por um longo período – acima de um mês, por exemplo –, saiba que não sairá prejudicado se depender da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

A Anatel permite que por no mínimo 30 dias e no máximo 120 dias você suspenda o serviço contratado pela operadora, pedido este que pode ser feito uma única vez por ano, mas de forma gratuita. A suspensão deve ocorrer em até 24 horas e, para reestabelecer o serviço, basta pedir que o mesmo prazo deve ser obedecido.

Durante a suspensão – que então pode ser feita por até 4 meses –, você não precisa pagar a assinatura ou qualquer outro valor referente ao serviço contratado. Mesmo após o pedido do restabelecimento do serviço, é proibido qualquer tipo de cobrança. O único problema e cobrança que o consumidor pode encontrar é caso esteja inadimplente ou antes dos 30 dias e depois dos 120 previstos para a suspensão.


Se a sua realidade é diferente do que essa, as contas estão em dia e você vai descansar por pelo menos 30 dias, talvez pedir a suspensão de um ou mais serviços seja uma boa alternativa para economizar em 2018.

LEIA TAMBÉM:

Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários