terça-feira, 24 de setembro de 2013

Ações da Vivo e TIM sobem com acordo de Telefónica e Telecom Italia

O que você achou? 
Os papéis da TIM Participações saltaram mais de 3% nesta segunda-feira (23), em meio a notícias sobre negociações entre a espanhola Telefónica/Vivo e acionistas italianos da Telecom Italia, dona da operadora de telefonia brasileira.

A ação da TIM encerrou o pregão em alta de 3,37%, a R$ 10,11, ante variação positiva de 0,91% do Ibovespa.

As conversas entre a Telefónica e os acionistas italianos da Telecom Italia reunidos na Telco estão em fase final, e notícias sobre as negociações foram divulgadas nesta terça-feira (24).

Segundo o analista Alex Pardellas, da CGD Securities, a alta das ações da TIM foi motivada pela expectativa de que uma possível mudança no controle da Telecom Italia acione o mecanismo de tag along, que garante que o comprador das ações dos controladores realize oferta pública aos minoritários.

"Se houver mudança de controle na Telecom Italia, naturalmente há mudança de controle na TIM Brasil, aí dispara o tag along. Essa alta pode estar refletindo isso", disse, acrescentando, no entanto, que a Telefónica pode aumentar fatia na Telco, que tem 22,4% da Telecom Italia. "Ainda não sabemos se isso seria encarado como mudança de controle na Telecom Italia", salientou.

Pardellas lembrou que a empresa de telefonia brasileira oferece 100% de tag along.

Hoje (24), às 10h21h, depois de a Telefónica/Vivo anunciar a compra de grande participação na Telco, principal acionista da Telecom Italia, a ação da TIM subia 6,23%, a R$ 10,74, diante de variação negativa de 0,14% do Ibovespa. No mesmo instante, a preferencial da Vivo subia 1,13%, a R$ 50,25.

Nenhum comentário:

Postar um comentário