30/05/2024

Escolas Conectadas: 1.396 escolas tiveram aprovação para fazer parte do projeto

Projeto Escolas Conectadas avança e agora vai levar conectividade para novos estados em diferentes regiões do Brasil.

Na terça-feira, 2 de abril, o Conselho Gestor do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust) aprovou um importante projeto. Esse projeto consiste na seleção de 1.396 escolas públicas localizadas nas regiões Norte e Nordeste do Brasil.

Computadores
xr:d:DAFM9cUtXWQ:3820,j:1549746408236437,t:24040420

Essas escolas serão beneficiadas com um investimento total de R$ 75 milhões. Esse investimento será destinado para a implementação de infraestrutura de conectividade, visando promover a inclusão digital nessas regiões.

O ministro das Comunicações, Juscelino Filho, expressou sua satisfação com essa decisão. Ele ressaltou que o Fust, após anos de espera, finalmente será utilizado em benefício da sociedade. Essa utilização do fundo é considerada uma conquista para toda a sociedade brasileira.

O ministro destacou que promover a inclusão digital das famílias mais vulneráveis e conectar as escolas é um compromisso fundamental do setor de Telecomunicações.

Segundo o MCom, essa iniciativa representa um passo importante para reduzir a exclusão digital nessas regiões, proporcionando acesso à educação e oportunidades de desenvolvimento para milhares de estudantes e suas comunidades.

A seleção das escolas públicas nas regiões Norte e Nordeste para receber investimento do Fust para conectividade faz parte da Estratégia Nacional de Escolas Conectadas (Enec). Esta estratégia visa fornecer acesso à internet de qualidade, com alta velocidade e Wi-Fi, para todas as 138 mil escolas públicas de ensino básico até 2026, em uma parceria entre os Ministérios das Comunicações e da Educação.

Os recursos, provenientes do Fust, foram repassados ao BNDES para a implementação de projetos que visam conectar escolas que atualmente não têm acesso à internet ou têm acesso inadequado para fins pedagógicos. Essa medida é parte de um esforço mais amplo para promover a inclusão digital e melhorar a qualidade da educação nessas regiões.

Após a aprovação da lista de instituições contempladas e das diretrizes técnicas para a conexão digital nas escolas, o próximo passo é lançar um edital para selecionar as empresas de telecomunicações responsáveis pela instalação e operação da infraestrutura digital.

Número de escolas contempladas por estado:

NORTE

  • Acre: 76
  • Amazonas: 450
  • Amapá: 2
  • Pará: 527

NORDESTE

  • Bahia: 59
  • Maranhão: 99
  • Paraíba: 183
ViaMCom
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários