24/02/2024

Presidente Lula e Janja defendem regulação das redes sociais; confira

Após ataque à rede social de Janja, primeira-dama, ela e o presidente Lula falaram sobre o assunto durante live.

No programa semanal “Conversa com o Presidente”, realizado na terça-feira, 19 de dezembro, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua esposa, Rosângela da Silva (conhecida como Janja), expressaram críticas em relação a Elon Musk, empresário responsável pela rede social X (anteriormente conhecida como Twitter), e defenderam a necessidade de regulamentação nas plataformas online. O casal compareceu ao programa uma semana após o incidente em que a conta de Janja foi invadida por hackers na referida rede social.

Lula e Janja

Durante a transmissão, Janja destacou a demora da empresa em solucionar o problema. Durante um período de uma hora e meia, sua conta permaneceu sob o controle dos hackers, que realizaram postagens misóginas e ofensivas direcionadas a ela, ao presidente Lula e ao ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

Lula comentou sobre a relevância do ocorrido com Janja, ressaltando que um dos responsáveis pelo ataque era um jovem de 17 anos. Ele enfatizou a gravidade da violência contra mulheres e expressou a necessidade de implementar uma regulamentação efetiva não apenas no âmbito nacional, mas também global.

Lula ponderou sobre o desafio de realizar tal regulamentação sem incorrer em censura, comparando a situação ao setor televisivo, que já é sujeito a regulamentações, enquanto Elon Musk, segundo ele, não contribui financeiramente com impostos no país.

“Nós vamos ter que fazer uma regulação séria. Não só para o país, mas para o mundo. Como a gente vai fazer isso sem censura é um desafio. A TV tem regulação, e esse cidadão [Elon Musk] nem paga imposto no país”.

Janja afirmou que pretende tomar medidas legais contra Elon Musk. Ela declarou que sequer sabe em qual jurisdição devo processá-lo, se no Brasil ou nos Estados Unidos. No entanto, vai processá-lo.

“A gente vive numa sociedade regulada. Por que a internet ficaria fora disso?”

Ela destacou a gravidade do ocorrido na semana anterior, descrevendo-o como uma invasão mais intensa. Janja expressou sua frustração com a lentidão do Twitter em congelar sua conta, que permaneceu sob controle dos hackers por uma hora e meia.

Além disso, ela apontou para o fato de que Elon Musk teria lucrado significativamente durante esse período de ataque. Janja salientou que a discussão sobre regulação das redes sociais não deve se limitar apenas a isso, mas também abordar a questão da monetização das plataformas online. Ela argumentou que, independentemente da natureza positiva ou negativa das atividades online, o lucro gerado contribui para o sucesso dessas plataformas.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários