20/05/2024

Itaú Unibanco testa internet satelital da Starlink em agência no RJ

Banco fez parceria com SC CapRock, operadora brasileira que tem acordo global para venda dos serviços corporativos da empresa de Elon Musk.

O Itaú Unibanco, em parceria com a SC CapRock, operação brasileira do grupo Speedcast e que tem acordo global para venda dos serviços corporativos da Starlink, contratou o serviço de internet banda larga via satélite da empresa de Elon Musk, e desde março, está realizando testes de conexão em uma agência bancária na zona norte da capital Rio de Janeiro.

De acordo com comunicado, a instituição financeira melhorar a conexão de banda larga com a constelação de satélites de baixa órbita (LEO), “especialmente em lugares afastados dos grandes centros urbanos“. Os valores investidos não foram revelados.

“No setor bancário, isso significa que existe potencial para garantir um padrão de conexão muito semelhante – e com alta qualidade – em todo o território nacional, o que permite que operações se tornem mais rápidas tanto para os colaboradores quanto para os clientes que estiverem sendo atendidos”, diz o comunicado da SC CapRock.

Fábio Napoli, diretor de Tecnologia do Itaú Unibanco, afirma que “Com a conectividade via satélites de baixa órbita, o nosso objetivo é testar como a solução pode nos ajudar a manter uma conexão de alta qualidade em regiões de difícil acesso por meio da infraestrutura tradicional”.

Atualmente, o banco usa o 5G em mais de 100 agências em diferentes estados do País desde o ano passado. Como a rede Starlink, que capta o sinal a partir de satélites de baixa órbita, ela não depende de infraestrutura de cabeamento para assegurar um bom sinal de conexão de internet.

Em termos de conectividade, o satélite de baixa órbita se comporta de forma semelhante à fibra ótica, mas com o diferencial de ser mais maleável e de fácil implantação, o que significa que há um grande potencial para sua utilização em um país com uma dimensão territorial como o Brasil”, completa Napoli.

Por enquanto, trata-se da fase inicial de testes em regiões onde não há infraestrutura tradicional. Paulo Bigal, Diretor Comercial da SC CapRock, diz que a parceria com o Itaú Unibanco é altamente disruptiva, pois a “solução corporativa da Starlink permite atender a todas as aplicações do banco, além de possibilitar a fácil instalação de terminais em todas as regiões brasileiras, incluindo os locais mais isolados, que não contam com uma conectividade banda larga satisfatória”.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários