24/02/2024

Brisanet irá lançar suas redes 5G e 4G comercialmente em junho

Segundo a empresa, a expectativa é oferecer planos 5G com preço médio de R$ 30, e agregar clientes a planos mais caros em seguida.

A Brisanet, empresa de telecomunicações nordestina, também foi uma das compradoras de lote disponibilizado no leilão do 5G, realizado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) em novembro de 2021. No entanto, diferente de grandes operadoras, como TIM, Vivo e Claro, que já estão ofertando comercialmente planos da rede a nível nacional, a companhia ficou com frequências regionais.

De acordo com o CEO da Brisanet, José Roberto Nogueira, durante a conferência dos resultados de 2022, o plano é lançar sua rede 5G de forma comercial no final do segundo trimestre deste ano. Ele afirma que a rede móvel ficará 100% na região nordestina e está sendo implantada em 40 cidades do interior do Nordeste e na capital do Ceará, Fortaleza, que terá toda sua área urbana coberta, com infraestrutura própria e sem contratos com terceiros.

Serão usados espectros de 2,35 GHz e 3,5 GHz. Nesse primeiro momento, a ativação da rede será somente no Nordeste, embora tenha comprado frequências no Centro-Oeste. Entretanto, o executivo explica que o prazo máximo para ativar nesta região é até 2026, conforme cronograma determinado pela Anatel.

“Vamos chegar antes, mas no momento estamos cobrindo o Nordeste”, afirmou.

Segundo Nogueira, serão usados rádio para irradiar o sinal tanto do 4G quanto do 5G. “Vamos dividir as frequências. No interior do Nordeste, ainda 98% dos aparelhos são 4G, só 2% são 5G. Na nossa frequência, 85% dos potenciais clientes têm celular 4G. Então temos que fazer usuários 4G aderirem à nossa rede”, observou.

O executivo ainda projeta que a cobertura móvel da Brisanet será de milhões de pessoas até setembro deste ano, onde serão intensificados os trabalhos ao todo do serviço para atrair clientes novos, assim como aqueles que já possuem o serviço de banda larga por fibra óptica da empresa. Nogueira afirma que vai atender áreas onde as competidoras nacionais têm redes de baixa qualidade, ainda em 3G ou 4G mais antigas.

“Infraestrutura de 3G e 4G hoje no interior é extremamente subdimensionada e não atende o público da forma desejada. A Brisanet vai atender de forma muito superior, com nova tecnologia, novos rádios. Duvido que a concorrência consiga alcançar, pois a dificuldade é chegar com o backbone, e as outras operadoras estão focadas nos mercados que já são rentáveis, os grandes. Não temos dúvida que a oportunidade de acelerar o 5G é agora”, afirmou.

Quanto ao preço, assim foi noticiado há algum tempo, a Brisanet pretende ofertar planos com valores mais medianos, na faixa de R$ 30, para depois agregar clientes a outros planos com preços mais elevados. Entretanto, afirma que manterá uma faixa de preço próxima das empresas concorrentes, com velocidade e estabilidade superiores.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários