28/02/2024

TIM lança app que concentra vagas de emprego para pessoas LGBTQI+

Além de oportunidades de trabalho, a plataforma também conta com conteúdos exclusivos voltados para a saúde, direito e impacto social.

Nesta terça-feira (28) é comemorado o dia do Orgulho LGBTQI+, sendo que durante todo o mês de junho, diversas empresas lançam campanhas e ações em apoio à causa. Pensando nisso, a TIM lançou uma plataforma para colaborar com a empregabilidade e levar conteúdo de qualidade a essas pessoas.

A operadora lançou o aplicativo Somos+, que além de disponibilizar oportunidades de emprego direcionadas às pessoas LGBTQI+, também conta com curadoria de informações por grandes especialistas nas verticais de saúde, direito e impacto social. Além disso, também possibilitará que ações de outras empresas, que apoiam a diversidade de inclusão, tenham mais visibilidade.

O Somos+ contou com a colaboração do Orgulho+, grupo de afinidade formado por cerca de 100 funcionários e funcionárias da TIM, que sugerem e avaliam ações afirmativas voltadas para o recrutamento e seleção comunicação e educação para inclusão de pessoas LGBTQI+. O aplicativo foi desenvolvido pela equipe de marketing da operadora em conjunto com a JUMP Mobile.

Todo o conteúdo do aplicativo Somos+ é gratuito e os clientes da operadora poderão acessar e navegar pela plataforma sem gastar dados da sua franquia de internet. O app está disponível para download tanto no Android quanto no iOS.

O Somos+ conta as seguintes seções: Empregos, Impacto social, Direito, Saúde, Tendência, Doação, Perigo e Mapa de Cidadania.

  • Empregos: seção para vagas LGBTQIAP+ no mercado de trabalho e informativos sobre feiras de empregabilidade;
  • Impacto Social: espaço para ver ações que empresas e profissionais podem adotar.
  • Direito: onde há informações sobre temas jurídicos;
  • Saúde: espaço para informações sobre medicina, incentivando o autocuidado;
  • Tendência: seção para dicas de bem-estar, entretenimento, moda, beleza, etc;
  • Doação: espaço para sugestão de instituições do terceiro setor para apoiarem a causa;
  • Perigo: onde o usuário pode acionar até três pessoas, emitindo uma mensagem de socorro, em caso de ameaça de LGBTI+fobia;
  • Mapa de Cidadania: espaço com conteúdo informativo para pessoas que são expulsas de casa.

Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Feedbacks embutidos
Ver todos os comentários