03/07/2022

Após sanções, Apple Pay e Google Pay param de funcionar na Rússia

Banco Central russo explicou em comunicado que as instituições financeiras foram afetadas pelas sanções dos EUA e da UE; entenda.

Nesta segunda-feira (28), clientes de alguns bancos russos foram pegos de surpresa ao tentarem utilizar os cartões com o Apple Pay e Google Pay, pois os métodos de pagamentos dos aplicativos foram suspensos na Rússia. Se trata de sanções que o país está passando devido à ofensiva militar que o presidente Vladimir Putin autorizou contra a Ucrânia.

A interrupção do serviço ocorreu no final de semana, ao mesmo tempo em que os Estados Unidos e União Europeia, além de outros aliados da da Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte), bloquearam o acesso do país russo ao ao sistema de autenticação de transações bancárias SWIFT.

Por meio de comunicado, o Banco Central da Rússia explicou que uma série de instituições financeiras foram afetadas pelas sanções dos EUA e da UE. Cartões de crédito dos bancos VTB Group, Sovcombank, Novikombank, Promsvyazbank e Otkritie não funcionam mais para pagamentos via Apple Pay ou Google Pay.

O bloqueio do serviço afetou também as compras internacionais em lojas ou serviços de empresas originadas em qualquer um dos países que sancionou a Rússia: EUA, membros da UE, Canadá e Reino Unido. No entanto, dentro do país russo, o uso dos cartões dos bancos continuam podendo ser usados, assim como pagamento por NFC.

LEIA TAMBÉM:

–> Operadoras se posicionam contra a guerra Rússia/Ucrânia

–> Coletivo Anonymous tira site do governo da Rússia do ar

–> EUA interrompe o fornecimento de chips da Intel e Nvidia para a Rússia

O jornalista irlandês que cobre as informações da Rússia, Jason Corcoran, afirmou em tweet que “Apple Pay e Google Pay não funcionam mais no sistema de metrô de Moscou, levando a longas filas enquanto as pessoas procuram por dinheiro em espécie”, escreveu o jornalista.

De acordo com o portal russo Moscow Map, os usuários do país vinculam seus cartões Visa e Mastercard aos aplicativos. Dessa forma, eles foram orientados a usarem os cartões físicos do banco ou o Mir Pay, sistema de pagamento eletrônico do Banco Central russo.

Na publicação do portal, devido às sanções contra o VTB Bank, banco estatal russo responsável pelo pagamento em todo o transporte público de Moscou, mais funcionários foram realocados para as bilheterias do metrô para resolver os problemas dos usuários.

SourceTerra
Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
0
O que você acha? Comente!x