18/05/2022

Anatel aceita incluir Anhanduí e Rochedinho na implantação do 5G

Pedido foi solicitado pela Prefeitura de Campo Grande, que apresentou documentos provando a necessidade da tecnologia nos distritos.

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) aprovou o pedido da Prefeitura de Campo Grande para incluir os distritos de Anhanduí e Rochedinho nos projetos de implantação da quinta geração de conectividade móvel e a ampliação da rede atual. A solicitação de inclusão foi encaminhada em novembro de 2021, por meio de uma reunião de técnicos do executivo municipal e do senador Nelsinho Trad (PSD).

Na época, a administração municipal apresentou indicadores e documentos dessas regiões que demonstravam a necessidade de ampliação da oferta, oferecimento de mais tecnologia e serviços de telecomunicações nos dois distritos, que juntos contabilizam mais de 5 mil habitantes.

“O 5G vai ajudar não só na melhoria da qualidade do serviço de telefonia móvel e velocidade de internet, mas também oferecer a possibilidade de mais empresas se estabelecerem nesses locais, além dos benefícios para a saúde, educação, segurança e lazer”, disse o prefeito Marquinhos Trad.

O diretor-presidente da Agência Municipal de Tecnologia da Informação e Inovação (Agetec), Paulo Fernando Garcia Cardoso, afirma que

“A resposta da Anatel atende uma reivindicação antiga dos moradores de ambos os distritos e demonstra o cuidado que a gestão tem com todas as regiões da cidade. Essa medida é mais um desdobramento positivo do projeto dessa gestão chamado Distritos Conectados e que tem como objetivo garantir que a população e trabalhadores das regiões mais distantes também sejam contemplados com melhorias e novas tecnologias oferecidas pelas operadoras dos serviços de telecomunicações”.

LEIA TAMBÉM:

–> Anatel propõe limite no uso de faixa do 5G e Claro discorda

–> Nova Lei das Antenas é sancionada pela Prefeitura de São Paulo

–>

Com o aval do Ministério das Comunicações, Paulo afirma que o objetivo será ampliar os serviços digitais oferecidos, que vão além da melhoria do sinal de telefonia móvel e internet. “O pleito dos dois distritos foi principalmente no sentido de atualizar os critérios que foram adotados lá atrás na implantação da tecnologia anterior, principalmente pelo fato de que ao realizar os estudos percebemos que na implantação do 4G não levaram em consideração informações essenciais como a quantidade de escolas, unidades de saúde, crescimento populacional, dentre outros fatores”, explica.

Dessa forma, com a ampliação dos serviços de telecomunicações e a chegada da quinta geração de internet móvel será possível ampliar o acesso de conectividade aos equipamento públicos, assim como implantar videomonitoramento, semaforização inteligente e entregar mais serviços digitais para os moradores de Anhanduí e Rochedinho.

Cleane Lima
Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários