InícioEconomia e NegóciosRússia multa Google e Meta por não retirarem conteúdos 'proibidos' de suas...

Rússia multa Google e Meta por não retirarem conteúdos ‘proibidos’ de suas redes

Ambas empresas recebem multas milionárias por descumprirem exigências do governo russo em relação a conteúdos considerados proibidos.

A tensão entre as big techs e o governo russo estão cada vez mais acentuadas. Além dos problemas com a Apple, um tribunal de Moscou multou o Google em quase US$ 100 milhões (R$ 562 milhões) e a Meta (Facebook) em US$ 27 milhões (R$ 151 milhões), a maior multa que as duas empresas já receberam na Rússia.

google-meta-russia-multa

De acordo com o tribunal, as duas companhias de tecnologia “ignoraram múltiplas demandas” para retirar conteúdos que incitam ódio religioso e promoveram pontos de vista de “organizações extremistas e terroristas“, entre outras violações. O Google e a Meta negam as acusações.

“Pela primeira vez, um tribunal russo impôs multas que representam uma parcela da receita anual dessas empresas na Rússia”, disse o regulador estadual de comunicações da Rússia, Roskomnadzor, em um comunicado.

O problema das duas empresas com o governo usou já possui um histórico, onde o governo russo afirma a proteção de menores de idade e combater o extremismo e reprimir a dissidência política e controlar narrativas na internet do país.

Por meio de comunicado, a assessoria de imprensa do Google à AFP (Agence France-Presse) disse que “Vamos estudar os documentos do tribunal e depois decidir sobre os próximos passos“. Por enquanto, a empresa-mãe do Facebook não se pronunciou sobre o assunto.


LEIA TAMBÉM:

–> Google e Apple estão na mira de órgão regulador de concorrência no Reino Unido

–> Meta (Facebook) é a pior empresa de 2021, segundo pesquisa

–> De novo? Apple está sendo processada na Rússia

Na última quinta-feira (23), o governo russo também multou o Twitter em US$ 40 milhões, após a restrição que as autoridades da Rússia colocaram nos serviços da rede social.

Segundo o Yahoo News, a Rússia tem pressionado as empresas de mídia social ocidental, com o presidente Vladimir Putin afirmando que essas companhias estão se tornando tão influentes quanto os próprios governos eleitos. Com isso, Moscou tem tomado medidas legais contra as big techs por não ter controle sobre o conteúdo de maneira mais adequada e interferir nos assuntos do país.

Cleane Lima
Jornalista, Comunicóloga, Repórter e Redatora há mais de 3 anos, com experiência na produção e revisão de conteúdo para internet. Adora escrever sobre qualquer assunto. "Palavras são, na minha humilde opinião, nossa inesgotável fonte de magia". Alvo Dumbledore.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários