InícioTelefonia CelularVivo admite falha com clientes de Minas Gerais

Vivo admite falha com clientes de Minas Gerais

Apesar do transtorno, empresa garante que a prestação já está normalizada para todos os clientes da região; entenda o ocorrido.

Imagem: Logotipo da Vivo - Divulgação
Imagem: Logotipo da Vivo – Divulgação

Nesta quarta-feira, 15 de setembro, moradores de Minas Gerais enfrentaram transtornos com os serviços prestados pela Vivo. Mais precisamente, as regiões afetadas foram as cidades do interior do estado, além da região metropolitana de Belo Horizonte. Nas redes sociais, clientes aproveitaram para demonstrar a insatisfação com a operadora devido à instabilidade.

Pelo Downdetector, site que mapeia falhas em serviços do mundo inteiro, o pico de notificações a respeito ocorreu às 10h35 e teve uma queda expressiva por volta das 11h05. De Minas Gerais, o site que muitos relatos surgiram de Belo Horizonte, Juiz de Fora, mas até São Paulo e Rio de Janeiro entraram na lista de cidades com relatos.

No entanto, a Vivo assumiu a falha na região de Minas Gerais. A operadora esclareceu que falhas nos equipamentos que atendem as localidades supracitadas foram responsáveis pela instabilidade.

Atualmente, o serviço já se encontra normalizado e sem falhas, segundo a empresa destaca. A internet móvel e telefonia da operadora foram os pontos mais destacados entre os serviços que os clientes denunciaram falhas.


VEJA TAMBÉM:

–> Condomínio processa Vivo por ‘falta de portas’ de fibra para moradores

–> Vivo TV adiciona três novos canais na grade de programação
 
–> Para diminuir reclamações sobre diárias, Vivo Easy atualiza aplicativo

Pelo Twitter, alguns usuários se expressaram publicamente e enviaram mensagens para a operadora. Em uma delas, um usuário destacou que o problema era bem mais sério do que apenas tirar e colocar o chip novamente no smartphone, recomendação comum em atendimentos das empresas de telefonia.

Ainda há relatos de cliente sem sinal na rede, mas não são em grande quantidade. Em relação a fibra óptica, as reclamações também são poucas.

Com informações de O Tempo

Anderson Guimarães
Jornalista com seis anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop. E-mail: [email protected]

1 COMENTÁRIO

Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários