Vivo apresentou 11 falhas de rede no mês de março, segundo o Downdetector

Pelo segundo mês consecutivo, a operadora foi a campeã de reclamações de usuários por falta de sinal.

Vivo apresentou 11 falhas de rede no mês de março, segundo o Dowdetector

De acordo com o site Downdetector, a Vivo foi a operadora que mais apresentou falhas de rede ao longo do mês de março de 2021.

Ao todo, a operadora estava com serviços instáveis em 11 ocasiões, segundo relatos dos usuários.

As falhas ocorreram nos dias 3, 4, 5, 9 (em dois períodos diferentes), 11, 19, 22, 23, 26 e 29 do mês passado.

A falta de sinal que recebeu o maior número de reclamações ocorreu no dia 19 de março, às 15h27, quando foram registradas 488 queixas de usuários.

VIU ISSO?

–> Problema em atualização está por trás do travamento de apps do Android

–> Setor de telecomunicações registra 28,6% das reclamações feitas em 2020

–> Claro lidera número de reclamações na Anatel em fevereiro

“Araraquara com problemas na linha fixa e internet. Cai toda hora, fica sem sinal ou extremamente lento”, reclamou um usuário.

“Não consigo acessar internet e nem fazer ligações desde manhã”, disse outra.

“Perdi uma entrevista agora pouco, por conta do sinal de internet que simplesmente sumiu!” disse outro.

As outras falhas da Vivo registraram em torno de 100 queixas ou menos.

No caso do problema do dia 9 de março, um pico de reclamações (158 queixas) ocorreu por volta das 2h da manhã.

Após, o número de queixas caiu, mas se manteve regular durante o resto do dia, quando, por volta das 20h, o número de queixas voltou a subir, com o serviço sendo normalizado apenas após as 23h.

Vale lembrar que em fevereiro, a Vivo também foi campeã no número de falhas de rede (8 no total), seguido da TIM (5), Claro (3) e Oi (1).

Claro

A operadora Claro registrou 7 falhas de rede no mês passado, nos dias 6, 15, 17, 19, 20, 24 e 28.

Quase todas as falhas registraram em torno de 100 notificações de usuários ou menos.

O maior número de reclamações sobre os serviços da Claro foram registrados nos dia 19 de março (pico de 345 reclamações) e 28 de março (248), sendo que a primeira foi resolvida rapidamente pela operadora, enquanto que a segunda demorou quase seis horas para normalizar o serviço.

“Claro flex o dia inteiro sem internet, até agora nada de resolver esse lixo”, reclamou um usuário durante a falha do dia 28.

TIM

Em março, o site Downdetector registrou cinco falhas da TIM, no dias 1, 9, 19, 27 e 29.

Todas as falhas da operadora foram pontuais, com os serviços sendo normalizados em um período de cerca de uma hora.

O maior pico de reclamações que a TIM registrou ocorreu no dia 19 de março, com 240 queixas.

“Estou sem internet, pago caro no plano para vocês me deixarem assim a ver navios, nunca tive problema, agora direto acontece isso”, disse um usuário.

Oi

A Oi apresentou apenas uma falha, no dia 19 de março, por volta das 18h15, com pico de 98 reclamações.

É importante ressaltar que um maior número de reclamações não significa necessariamente que a rede de uma determinada operadora tem uma qualidade ruim, ou vice-versa.

A quantidade de clientes de cada empresa, bem como a iniciativa dos mesmos de relatar os problemas acaba influenciando nos resultados históricos do site Downdetector.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
4 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários