InícioTecnologiaTikTok deve lançar ‘inusitada’ plataforma para currículos

TikTok deve lançar ‘inusitada’ plataforma para currículos

Uso da rede social para fins profissionais já recebe críticas por especialistas, mas nada parece impedir a novidade até o momento, em fase de testes.

Imagem: Logotipo TikTok + Ilustração Pixabay

Alguém esperava por essa? Tudo indica que o TikTok, rede social que se tornou um fenômeno nos últimos meses, vai lançar uma plataforma própria para divulgação de currículos. Mas, os documentos não serão divulgados de maneira convencional, sim no formato de vídeo. Afinal, o ambiente nasceu e cresceu em meio a explosão dos vídeos curtos e dancinhas animadas.

O programa de teste carrega o nome de #TikTokResumes e a ideia é que os usuários da rede publiquem vídeos criativos sobre suas qualidades e diferenciais. A novidade já é testada com algumas empresas nos Estados Unidos e o objetivo é introduzir a tão falada “Geração Z” no mercado de trabalho.


Por essa novidade, diversas empresas que aderirem ao método inovador de seleção poderão encontrar talentos pela rede social.

Mas, a novidade pode não ser tão bem aceita por muitos. Afinal, um debate que tomou conta da internet nos últimos meses diz respeito a “tiktokrização das profissões”. Em uma publicação no Instagram, por exemplo, o escritor André Carvalho ganhou mais de 200 mil curtidas e mobilizou mais de 5 mil comentários a respeito do tema.

VEJA TAMBÉM:

–> Dona da Vivo fecha parceria estratégica com o TikTok

–> TikTok e TNT Sports se unem para exibir eliminatórias europeias do Catar 2022

–> Pela primeira vez, TikTok transmite ao vivo uma partida do futebol brasileiro

No conteúdo, o profissional esclareceu que se tornou comum um profissional de qualquer área se ver obrigado a produzir conteúdo digital para ganhar relevância. O TikTok, por exemplo, fez com que muitos se sentissem na obrigação de criar publicações “divertidas” sobre o próprio trabalho.

Há ainda outros pensadores que levantaram o debate na internet e alertaram para diversos problemas que a prática pode acarretar. Entre eles estão a sobrecarga, já que a produção de conteúdo implica em mais um trabalho para o profissional, além da concorrência desleal. Pois o que melhor saber se expor nas redes obtém a vantagem.

Com informações de Assessoria de Imprensa EVCOM

Anderson Guimarães
Jornalista com seis anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop. E-mail: anderson@minhaoperadora.com.br.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários