CloudCo: Após FiBrasil, Vivo cria nova empresa dedicada à nuvem

Nova unidade busca explorar oportunidades no mercado de cloud computing.

CloudCo: Após FiBrasil, Vivo cria nova empresa dedicada à nuvem

Em fato relevante divulgado na noite desta segunda-feira, 2 de agosto, a Telefônica Brasil – mais conhecida pela marca Vivo (VIVT3) – anunciou a criação da CloudCo Brasil, uma empresa dedicada ao mercado de cloud computing. A nova unidade prestará serviços de nuvem pública para o mercado corporativo (B2B).

A transação envolve a transferência de 20% do capital social (no valor de R$ 22,0 milhões) da Telefônica Cloud e Tecnologia do Brasil S.A. (ou “CloudCo Brasil”) para a Telefónica Cybersecurity & Cloud Tech, S.L. (“TC&CT”), braço do grupo espanhol Telefónica. A TC&CT também subscreveu 190 mil ações ordinárias da CloudCo por um preço total de R$ 76 milhões, sendo pagos em duas parcelas até janeiro de 2023, com R$ 25,0 milhões integralizados no ato da compra e venda.

Com esta operação, 50,01% do capital social da CloudCo Brasil será detido pela Telefônica Brasil e os 49,99% restantes pela TC&CT. O acordo também prevê a transferência para a nova unidade de determinados ativos, contratos e empregados, todos relacionados às atividades de cloud computing.

“A Operação permitirá que a Companhia, em parceria com a TC&CT, desenvolva uma empresa brasileira dedicada em serviços e soluções de cloud computing para B2B, a CloudCo Brasil, visando alavancar posicionamento em serviços e soluções e capturar oportunidades de crescimento dos negócios neste segmento”, afirmou a empresa em fato relevante assinado por David Sanchez-Friera, diretor financeiro e de relações com investidores.

VEJA TAMBÉM:

–> Dona da Vivo afirma que pretende ir às compras no Brasil

–> Você Sabia? Ação internacional da dona da Vivo é negociada na Bolsa brasileira

–> Dona da Vivo fecha parceria estratégica com o TikTok

A operadora ressalta que continuará a liderar o papel de relacionamento com os clientes finais, atuando como um canal de vendas exclusivo da CloudCo Brasil. Além disso, o negócio não deve alterar a estrutura acionária da Telefônica, nem qualquer diluição aos seus acionistas.

Além da divisão de nuvem e soluções cloud, a Vivo criou recentemente a FiBrasil, empresa de rede de fibra neutra voltada para o atacado. A unidade é controlada pela Telefônica Brasil, Telefónica Infra e pelo grupo canadense CDPQ.

Com informações de Relações com Investidores Vivo.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários