Vivo lança bot no Twitter que interage com usuários

Iniciativa faz parte do projeto 4%, que busca estimular o consumo de mais conteúdos relacionados ao esporte feminino.

Vivo lança bot no Twitter que interage com usuários

A operadora Vivo acaba de lançar o projeto “4%”, que busca promover uma reflexão sobre a desigualdade de gênero nos esportes, além de estimular que as pessoas consumam mais conteúdos do universo esportivo feminino. Um comercial começou a ser veiculado para ilustrar a ação (vídeo no final da matéria), além de um bot que interage com os usuários.

A iniciativa faz parte do movimento “JogueCom Elas”. Ele foi motivado por um estudo realizado pela Unesco afirmando de todo conteúdo disponível na mídia esportiva, apenas 4% é sobre o esporte praticado por mulheres.

No filme de 30 segundos a operadora apresenta de forma visual a proporção da cobertura da mídia das modalidades esportivas femininas. O vídeo é assinado pela agência Soko.

“Apenas 4% da mídia esportiva no mundo é destinada ao esporte feminino. Essa disparidade não só nos chocou como serviu de inspiração para pensarmos em uma campanha que pudesse mobilizar a imprensa e todos os canais de mídia, como influenciadores, a doarem espaços para falar mais sobre as mulheres no esporte e diminuir esse hiato presente entre o universo feminino e masculino nos veículos de comunicação”, explica Isabela Marangoni, líder de dados criativos da Soko, agência responsável por desenvolver a ação.

VEJA TAMBÉM:

–> Vivo quer mais mulheres trabalhando em áreas de serviços ao cliente

–> Vivo lança campanha de combate à violência contra a mulher

–> Vivo irá doar R$ 150 mil para instituição de apoio a mulheres grávidas

Além do comercial, a Vivo está lançando o bot no Twitter. Toda vez que alguém marcar o @4porcento_bot em um tuíte e incluir a hashtag de um esporte em específico receberá uma notícia relacionada à modalidade feminina.

“A campanha foi criada para impactar as pessoas sobre a desigualdade entre gêneros no esporte, mas também incentivar mulheres a buscarem seu espaço. No cenário esportivo, sabemos que é preciso mudar a realidade que temos hoje, garantindo a representatividade feminina e inspirando as jovens atletas” explica Marina Daineze, diretora de marca e comunicação da Vivo.

A ideia é que a campanha permaneça ativa durante os Jogos Olímpicos que Tóquio, que iniciam na próxima sexta-feira, 23 de julho. Recentemente, a Vivo já tinha lançado outro filme, criado pela agência África, mostrando a importância de mudar o cenário de pouca representatividade feminina.

Com informações de Assessoria de Imprensa Vivo.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários