American Tower traz nova tecnologia de fibra para o Brasil

Novidade tem apoio tecnológico da Nokia e já está presente em toda a rede neutra da empresa de infraestrutura.

American Tower traz nova tecnologia de fibra para o Brasil

A American Tower, por meio de apoio tecnológico da Nokia, acaba de anunciar que implementou a tecnologia XGS-PON em toda a rede neutra de fibra da empresa.

Com a novidade, as operadoras e provedores que são clientes da American Tower vão poder disponibilizar serviços de banda larga fixa residencial e corporativo de até 10 Gbps.

Atualmente, o mercado brasileiro é dominado pela tecnologia GPON (Gigabit Passive Optical Network), o que possibilita que os provedores comercializem conexões de até 1 Gbps.

O XGS-PON é a evolução dessa tecnologia.

VEJA TAMBÉM:

–> Unifique lança banda larga de 2 Gbps por R$ 250 mensais

–> American Tower vai investir US$ 500 milhões na construção de torres

–> Dona da Vivo fecha acordo bilionário com a American Tower

Além do aumento da largura de banda, a tecnologia oferece serviços simétricos, ou seja, aqueles em que a velocidade de upload pode ser a mesma que a velocidade de download.

Com a massificação do home office, educação à distância, uso de jogos online, telemedicina, realidade virtual e outras aplicações, os usuários estão precisando cada vez mais de maiores velocidades de upload.

“Como provedores de infraestrutura neutra compartilhada, é muito importante garantir a evolução tecnológica da rede para atender as necessidades não só atuais como futuras das operadoras. Por isso, nossa rede de acesso FTTh já nasceu com a tecnologia no estado da arte, permitindo as operadoras inovar e antecipar as demandas de seus clientes, afirma Abel Camargo, vice-presidente de fibra e novos negócios da American Tower no Brasil.

De acordo com a empresa de infraestrutura, após testes em laboratório, foi possível aplicar rapidamente o XGS-PON em todas as cidades que possuem rede, sem a necessidade de troca de equipamentos ou maiores investimentos em fibra.

A American Tower explica que a rede já foi planejada considerando a evolução tecnológica.

“Os clientes da rede já podem comercializar planos com velocidades de até 10 Gbps para seus clientes finais, em qualquer cidade onde temos operação. Tendências mundiais indicam que a necessidade de redes com essa capacidade irá se intensificar nos próximos dois a três anos e partindo dessa premissa estamos com certeza preparando a rede para este futuro”, complementa Camargo.

A rede neutra de fibra da empresa foi lançada em 2019 e consiste em uma infraestrutura que pode ser utilizada por várias operadoras para oferecer os serviços de banda larga por fibra para consumidores finais.

Nos último quatro anos, a American Tower investiu US$ 1 bilhão (R$ 5,3 bilhões) em países América Latina e da África, sendo que o Brasil é considerado um país-chave na estratégia da empresa.

Com informações de Assessoria de Imprensa American Tower.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários