TIM pretende desligar torres recebidas da Oi

Com a conclusão da venda da Oi Móvel, a operadora pode receber 7,2 mil sites e torres.

Nesta segunda-feira, 1º de março, durante a live “TIM Day 2021”, Leo Capdeville, diretor-chefe de tecnologia da TIM (TIMS3), afirmou que a operadora pretende desligar parte das torres recebidas da Oi (OIBR3/OIBR4).

A expectativa é que a TIM herde 7,2 mil sites e torres da Oi.

Segundo Capdeville, aquelas torres da Oi que estão próximas das antenas da TIM serão desligadas, para reduzir os custos de infraestrutura.

Durante o TIM Day, é informado que 60% das torres da Oi estão próximas ou na mesma localização da infraestrutura da TIM.

VIU ISSO?

–> TIM quer se tornar a operadora móvel preferida pelos clientes

–> TIM pretende aumentar preços na telefonia móvel em 2021

–> 4G de 700MHz da TIM atinge 535 cidades paulistas

Com isso, mais de 4,3 mil antenas da Oi poderiam ser desligadas pela companhia.

Por outro lado, com a infraestrutura da Oi, a TIM expande a sua atuação com 2,9 mil antenas em novas localidades.

Além das torres, a TIM deverá receber mais 49 MHz de espectro e 14,5 milhões de clientes da Oi, o que corresponde a 40% da base de clientes da operadora em recuperação judicial.

Deste total de clientes, 60% são usuários pré-pago e 40% pós-pago.

Entretanto, o executivo ressalta que a conclusão da venda da Oi Móvel para o consórcio formado pela TIM, Vivo (VIVT3) e Claro, ainda depende da aprovação do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).

A operadora espera que a aprovação ocorra até o final de 2021 e a incorporação da base da Oi pode levar 6 meses após o fechamento do negócio.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
8 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários