Início5G5G: 9 milhões de pessoas terão que pagar por troca de parabólica

5G: 9 milhões de pessoas terão que pagar por troca de parabólica

Previsão da Anatel é que novo kit de recepção de TV via satélite vai custar R$ 250.

Caso não haja mudanças na proposta do edital para o leilão do 5G, mais de 9 milhões de pessoas terão que comprar um novo kit de recepção para continuar a receber o sinal de canais de TV via satélite.

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) estima que 20,7 milhões de residencias utilizam antenas parabólicas no Brasil, sendo 17 milhões para recepção de canais da TV aberta e o restante para a TV por assinatura.


Como o 5G deverá utilizar a frequência de 3,5 GHz, os consumidores terão que trocar o equipamento de recepção por conta da interferência da nova rede móvel na banda C (utilizada nas transmissões de TV via satélite).

O tema foi um dos principais debates em torno do 5G, além de ter provocado o atraso na execução do leilão.

VIU ISSO?

–> Leilão 5G pode ser R$ 12 bilhões mais caro do que o esperado

–> Operadoras dizem que esperam ‘eventuais ajustes’ no edital do 5G

–> Anatel aprova edital sem restrições à Huawei nas redes 5G das teles

“Fizemos testes com 5G, um serviço adjacente do TVRO [transmissão por parabólicas], que usam entre 3,7 e 4,2 GHz. Constatou-se interferência do 5G no serviço de TVRO. O 5G respeita seus limites de transmissão, mesmo assim os receptores das parabólicas são muito ruins”, explica o superintendente de outorgas e recursos à prestação da Anatel, Vinícius Karam.

Inicialmente, a Anatel estudava a possibilidade de usar filtros para atenuar a interferência do 5G nas antenas parabólicas.

Entretanto, prevaleceu a proposta de as transmissões via satélite migrarem da atual banda C para a banda Ku (já utilizada na TV Paga).

A mudança afeta empresas e consumidores.

A ideia é que 8,3 milhões de famílias que estão no “Cadastro Único”, do Governo Federal, receberão os kits de graça, sendo custeados pelos recursos arrecadados no próximo leilão de frequências.

Entretanto, 9,2 milhões terão de pagar do próprio bolso o novo equipamento.

A previsão da Anatel é que o kit será vendido por R$ 250.

A compra dos novos aparelhos deverá ser feita até 2025, quando o sinal da banda C será oficialmente desligado.

A proposta do edital do 5G ainda depende da aprovação do Tribunal de Contas da União (TCU).

O leilão do 5G está previsto para ocorrer até junho deste ano.

Com informações de Agência Brasil.

Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 9 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários