Como Corrigir Quando o Safari é Redirecionado para o Bing no MacBook

Se as páginas web do seu MacBook estão sendo redirecionadas para o Bing, ao invés de abrirem normalmente, é porque tem arquivos maliciosos (vírus) no seu dispositivo. Veja como reverter esse problema.

Como remover redirecionamento para o Bing no Safari

Um dos grandes problemas do mundo digital é a segurança. Existem inúmeras formas de contornar e quebrar as proteções que temos nos nossos dispositivos. Nunca é algo positivo quando desconhecidos têm acesso ao nosso trabalho, informações pessoais, até à nossa vida, sem que nós tenhamos dado permissão para tal. O redirecionamento do Safari para o Bing é um desses casos, uma quebra de segurança que colocou um vírus no seu MacBook e está roubando as suas informações.

Se as páginas web do seu Mac em vez de abrirem normalmente estão sendo redirecionadas para o Bing, é porque tem arquivos maliciosos (vírus) no seu Mac e precisa reverter esse problema.

A navegação intuitiva na internet conta com configurações personalizadas para oferecer a melhor experiência online. O problema é que existem armadilhas criadas que ignoram a permissão do administrador e mudam os padrões mais importantes dos navegadores. O mesmo acontece com o vírus do Safari sendo redirecionado para o Bing.

Deste modo, todas as pesquisas são redirecionadas para o Bing. Sempre que fizer uma pesquisa no Google, o vírus é ativado e muda o destino da pesquisa. Dificilmente se consegue repor a configuração correta e eliminar o vírus recorrendo ao método mais tradicional de o fazer, através do painel de definições personalizadas.

O que é o Bing?

O Bing é um motor de busca da Microsoft que nasceu em 2009 com o objetivo de substituir o Live Search. O lançamento do Bing teve alcance enorme de novos usuários e foi um sucesso para a marca.

Até à data, o Google ocupava o primeiro lugar dos motores de busca e o Yahoo o segundo. É então nessa altura que o Bing e Yahoo começaram um parceria para que os seus resultados nas buscas tivessem maiores dimensões. Isto fez com que o Bing ocupe atualmente o segundo lugar, apenas atrás do Google.

O motor de buscas oferece 43 idiomas diferentes para alcançar o maior número de utilizadores possível. Uma grande parte do sucesso deriva do uso em alguns dos maiores dispositivos móveis, como a Apple (Siri) e na Amazon Kindle.

O Bing é mais frequentemente utilizado em países como o Canadá, Estados Unidos da América e Reino Unido, e numa faixa etária mais alta (55 a 64 anos).

O problema deste vírus é que ao interceptar as pesquisas feitas noutros navegadores, o vírus coleta os seus dados pessoais do Mac (desde o IP ao histórico, por exemplo).

VIU ISSO?

–> Criminosos têm inserido vírus em memes no Twitter

–> Será que seu celular está com vírus? Descubra!

–> Brasileiros devem reiniciar roteadores para combater vírus

Como Instalei o Bing?

Na grande parte dos casos, este tipo de vírus infiltra-se nos sistemas sem a sua permissão direta, sendo instalado quando os softwares utilizam a chamada “agregação”, um método de marketing fraudulento.

Este método engana os utilizadores através da instalação de aplicações que não concordamos instalar juntamente com o software regular.

Estes aplicativos estão ocultos nas opções de instalação e configurações avançadas ou personalizadas dos processos, passando assim despercebidas.

Como Remover o Vírus

Existem essencialmente duas formas principais de como desinstalar Bing: de forma automática ou manual.

Existem softwares que conseguem ajudar na limpeza deste tipo de arquivos maliciosos e poupam tempo e trabalho aos usuários. Alguns softwares conseguem detectar o vírus e posteriormente fazer a respectiva reparação no sistema.

Fazer a eliminação do vírus de forma manual requer bastante conhecimento e tempo disponível. Desde a remoção de extensões nos motores de busca à procura de arquivos maliciosos em diversas pastas.

Manualmente, pode fazer os seguintes passos:

  1. Limpar o histórico e o cache do navegador Safari e outros dados do website;
  2. Redefinir as opções do Safari para se livrar dos redirecionamentos do Bing.

Dois passos relativamente simples que podem ser a solução para este seu problema.

Notas Finais

A presença de vírus no Mac certamente vai prejudicar seu desempenho e não é algo desejado por nenhum usuário, sendo que alguém está coletando as suas informações pessoais.

Não se deve deixar prolongar este tipo de problema para não vir a ser cada vez mais grave. É importante atuar imediatamente para combater o vírus o mais rápido possível e evitar ao máximo que este obtenha as nossas informações.

Utilizando a forma automática e manual, não hesite em procurar ajuda para a resolução deste problema.

About Redação Minha Operadora
Um dos principais sites de notícias sobre o setor de telecomunicações do Brasil e do mundo. Mais de 10 mil artigos publicados com cerca de 1 milhão de páginas lidas todos os meses.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários