‘5G DSS’ da TIM chegará em mais 12 cidades

Mesmo com críticas do presidente, operadora seguirá com investimentos na tecnologia que é vista como uma ‘prévia do 5G’.

Imagem: Reprodução YouTube (Comercial da TIM Live)
Imagem: Reprodução YouTube (Comercial da TIM Live)

Até o fim de 2020, o “5G DSS” da TIM chegará em mais 12 cidades além de Bento Gonçalves (RS), Três Lagoas (MS) e Itajubá (MG).

O serviço está disponível em caráter experimental nas três localidades supracitadas.

No entanto, a disponibilização não é para clientes de telefonia móvel e sim no formato de banda larga fixa, viabilizada pela conexão móvel.

A notícia é surpreendente para quem acompanha o mercado de telecomunicações, visto que Pietro Labriola, presidente da operadora, já classificou o “5G DSS” como marketing.

VIU ISSO?

–> Presidente da TIM volta a criticar o 5G DSS

–> Huawei acredita que não será banida do 5G brasileiro

–> Sem Deezer e com ligações ilimitadas; conheça o novo TIM Beta

Uma denúncia da operadora chegou até mesmo a derrubar anúncios da Claro, que precisou alterar suas campanhas onde havia menção a “primeira rede 5G do Brasil”.

Reconhecida pelo Conar, a ação pediu uma alteração pelo fato de que o “5G DSS” é viabilizado pelas frequências do 4G.

O leilão para que as operadoras possam comprar as faixas da conectividade de quinta geração é previsto para meados de 2021.

As próximas cidades contempladas pela TIM ainda não foram anunciadas.

Com informações de Valor Econômico

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
3 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários