Nenhuma rede de comunicação é inviolável, diz Heleno

Ministro-chefe do GSI afirma que a segurança de informações é um desafio mundial.

Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Nesta segunda-feira, 27, durante entrevista para o programa A Voz do Brasil, da Empresa Brasil de Comunicação (EBC), Augusto Heleno, ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), disse que a garantia da segurança de informações é um desafio mundial.

O ministro afirmou que nenhuma rede de comunicação é à prova de violação, mas que a GSI tem trabalhado muito para garantir a segurança virtual.


Apesar de ataques cibernéticos, Heleno disse que a pasta tem registrado poucas invasões nas redes.

“Por enquanto, nós estamos ganhando essa ‘competição’, que é praticamente uma guerra, e nós temos um zelo muito grande. O site do GSI tem uma série de recomendações ao cidadão e às instituições de como se prevenir contra esses ataques, contra essas violações”, explicou, durante a entrevista.

Entre as competências da GSI está a segurança da infraestrutura de rede de telecomunicações no país.

Em março deste ano, Augusto Heleno assinou a instrução normativa nº 4 que estabelece os requisitos mínimos de segurança cibernética para a implantação das redes 5G no Brasil.

No documento, não há qualquer restrição ou limitação para que a Huawei (ou qualquer outra fabricante) participe da infraestrutura nacional do 5G. A única determinação é que as operadoras devem utilizar equipamentos de pelo menos dois fornecedores distintos em uma mesma região geográfica.

VIU ISSO?

–> Leilão do 5G deve ocorrer apenas em maio ou junho de 2021

–> Anatel prorroga nova consulta pública sobre o 5G

–> Usuários fazem ‘campanha’ contra a Huawei nas redes sociais

Independentemente do fornecedor, as operadoras deverão obedecer a requisitos e protocolos da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), além de implementar sistemas de segurança com uma camada de proteção criptográfica para os dados trafegados em 5G.

As empresas também passarão por auditorias para assegurar a segurança cibernética das redes.

A instrução normativa segue em vigor desde a sua data de publicação, em 26 de março de 2020.

Com informações de Agência Brasil.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Fabris Silva

Que autoridade ele tem para falar isso? Tem alguma formação em telecomunicações? Isso é desinformação por parte dele, segue aqui biografia dele que peguei do site do governo, não consta nenhum curso na área para embasar o que ele disse. https://www.gov.br/gsi/pt-br/ministro/biografia

Cidade - UF
Londrina-PR