Claro está investindo em energia renovável

Operadora acaba de inaugurar novas usinas solares.

A Claro acaba de inaugurar mais quatro usinas solares de geração distribuída no município de Taubaté, no interior de São Paulo. O empreendimento tem a capacidade de 4 megawatts-pico (MWp), garantindo o fornecimento de energia renovável para 516 unidades consumidoras da operadora no estado.

O projeto foi entregue pela EDP, empresa que atua no segmento elétrico.


A estimativa é que, juntas, as usinas geram mais de 6.000 MWh/ano, o suficiente para abastecer 2.523 residências com energia elétrica. Além da economia, a Claro vai deixar de emitir 454 toneladas de dióxido de carbono na atmosfera do planeta.

As usinas em Taubaté integram o programa “A Energia da Claro”, lançado em 2017, que tem o objetivo de proteger o meio ambiente e investir em fontes renováveis.

O programa é considerado o maior projeto de geração distribuída e o primeiro entre as operadoras que prevê a geração de energia renovável para as concessionárias de eletricidade e inclui ações de eficiência energética e mobilidade elétrica.

A companhia já possui usinas solares em 12 estados: Bahia, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Pará, Pernambuco, Piauí, Mato Grosso do Sul, Paraná, Santa Catarina e São Paulo.

A Claro já tem outras instalações em fase final de implantação ou projetos em construção nos demais estados.

VIU ISSO?

–> Claro segue na disputa pela Oi Móvel

–> Claro convida pessoas a serem mais otimistas durante pandemia

–> Claro se compromete a flexibilizar condições para inadimplentes

Até 2021, a operadora espera que 80% de sua energia consumida seja proveniente de fontes limpas (solar, hidrelétrica, eólica, biogás e cogeração qualificada).

“Essa parceria reforça o compromisso da Claro com a inovação e com a sustentabilidade. Por isso a empresa investe em um programa próprio de energia renovável, que tem custo menor e reduz a produção de gases de efeito estufa”, afirma Hamilton Ricardo Pereira da Silva, diretor de Infraestrutura da Claro.

Com informações de Telesíntese.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Tauan Fontoura

“compromisso da Claro com a inovação e com a sustentabilidade”
Conversa fiada.
Isso nada mais é do que forma de cortar custos com energia aumentando o lucro da empresa.
Nada além disso. Se não tivessem retorno financeiro JAMAIS fariam algo pra “sustentabilidade”.

Cidade - UF
Porto Velho RO