Claro net suspende venda do Premiere

Pandemia motivou decisão da operadora; público segue no aguardo por uma previsão de retorno para os campeonatos.

Ilustração Premiere
Imagem: Divulgação Premiere

É inegável os impactos da pandemia do novo coronavírus no esporte, principalmente o futebol. Com campeonatos adiados e jogos em suspensão, o canal Premiere, vendido à la carte na TV por assinatura, começou a sentir os efeitos de maneira intensificada.

A Claro net, maior operadora de TV paga do país, suspendeu a venda do canal. É a primeira prestadora a tomar iniciativa desse tipo em meio ao COVID-19.


Ao UOL, a empresa comunicou que não faz sentido vender uma emissora que não está em possibilidade de entregar o que é prometido.

No entanto, a operadora destaca que a manutenção do canal é de grande ajude para os clubes no atual momento, portanto, quem já for assinante e quiser manter o vínculo estará, indiretamente, em contribuição.

Mas, com uma crise iminente e muitas demissões, os assinantes terão liberdade para cancelar a contratação do canal sem qualquer ônus financeiro.

Os fãs de esporte, obviamente, aproveitam reprises de grandes momentos para continuar a ter um aproveitamento dos canais do segmento. Programas de análises e comentários também ganharam espaço.

VIU ISSO?

–> Oi vai expandir TV por assinatura em parceria com Multilaser

–> Sinal aberto na TV por assinatura pode estar com dias contados

–> TV por assinatura pirata pode sobrecarregar provedores de internet

As outras operadoras continuam com as vendas abertas para quem quiser contratar o canal Premiere. Apenas a Claro net tomou a medida de suspensão.

O serviço de vídeo sob demanda do canal segue disponível para novas contratações também.

Com informações de UOL

No UOL Play você encontra filmes, séries, desenhos, shows e esportes ao vivo. Além disso, alugue os títulos que acabaram de sair do cinema. Clique e experimente por 7 dias grátis!

COMPARTILHAR EM:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais votado
mais novo mais antigo
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Nena Torres Cardoso

A Claro,vai devolver o dinheiro cobrado durante este período? Mandar o nome das pessoas para o serasa,por49 reais,sem comunicar e fácil, e olha que pago bem alto

Cidade - UF
São pauo