Vivo rompe com operadora virtual por inadimplência

Com expectativa para 10 anos de colaboração, parceria entre as duas empresas durou metade do que era previsto.

Divulgação Mais AD
Imagem: Divulgação Mais AD

Por intermédio da Anatel, a Vivo rompeu a parceria comercial com a operadora virtual Mais AD, da Igreja Evangélica Assembleia de Deus. As duas atuavam juntas desde o lançamento da marca de telefonia, em 2015.

Enquanto a empresa da Telefônica alega inadimplência, uma dívida de R$ 2 milhões por parte da Mais AD, a MVNO rebate e diz que tem R$ 17 milhões para receber da Vivo, já que não obtinha repasses relativos aos chips ativados.


O impasse ainda será julgado pela agência reguladora, mas o acordo entre as duas chegou ao fim no dia 5 de abril. No início, a expectativa era de uma colaboração por 10 anos, mas durou apenas metade.

VIU ISSO?

–> Vivo TV disponibiliza acesso ao YouTube via decodificador

–> Atendimento digital da Vivo está entre os melhores serviços de 2020

–> Vivo libera o uso gratuito em 11 aplicativos

Os usuários da operadora virtual que não migraram ou solicitaram portabilidade para a Vivo tiveram seus chips desativados, segundo informou a companhia.

A Mais AD surgiu com o objetivo de se tornar a maior operadora virtual do mundo. Com projeção na demanda do público religioso. Havia uma expectativa de venda em 45 templos da Assembleia de Deus, que possui mais de 23 milhões de fiéis.

Para continuidade da operação, existe um acordo da MVNO com a Dry Company, que utiliza a infraestrutura da Surf Telecom, mas o site da Mais AD está fora do ar e não há confirmações quanto a isso.

Com informações de Tele.Síntese

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
4 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Jean Michel Skaleé

Além dessas MVNO serem mais caras, ainda se da uma briga com a operadora que oferece a infra, fica com a linha inativa kkkkk

Cidade - UF
Nova Santa Rosa-PR
FrankHB

Não tem como isso dar certo, só pessoas realmente MUITO leigas para caírem nessa. A única que realmente parece estar tendo algum sucesso é a do correios, mas eu desconfio que outras partes da empresa estão “bancando” a operação, para não ter falido ainda.

Cidade - UF
São Paulo - SP
Luan souza

ESSAS O PERADORAS VIRTUAIS ERA PRA TE OS PREÇOOS MAIS BARATOS QUE OS PREÇOS SAO MAIS CAROS OU INGUAIS AOS DAS GRANDES O PERADORAS POR ISSO QUE ELAS MORRE PELO CAMINHO SO UM LOUCO VAI FAZER UMA RECARGA DE 40 REAIS PPR MES POR EXPLO PRA TE LIGQÇOES ILIMITADAS PRA QUALQUER O PERADORA E UMA QUANTIDADE MICHURUCA DE INTERNET SENDO QUE NA CON CORRENCIA EM CONTRAMOS POR Ate 30 REAIS POR MES COM MINUTOS ILIMITADOS PRA QUAL QUER O PERADORADORA E UMA BOA QUQNTIDADE DE INTERNET

Cidade - UF
Bragança pará
Adriano Da Silva Coelho

É o que acontece com quem faz negócio com o diabo. Essas operadoras virtuais são só marketing. Não tem como dar certo.

Cidade - UF
Penedo AL