Governo abre segunda chamada para conectar UBSs

Proposta é que 16 mil unidades de saúde sejam conectadas até 30 de abril.

Nesta terça-feira, 21, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) abriu um segundo chamado para que provedores de internet conectem Unidades Básicas de Saúde (UBSs) de todo o país, como medida para combater a pandemia da Covid-19.

A iniciativa é da Rede Conectada MCTIC, tem coordenação da Secretaria de Telecomunicações e tem participação de provedores.


O objetivo é levar internet para 16,2 mil unidades de saúde, que ainda seguem desconectadas, até o fim do mês de abril. Atualmente, o país conta com 42 mil postos de saúde.

Segundo o MCTIC, as empresas vão prover internet para as UBSs de forma voluntária durante quatro mês. Após, nos 8 meses seguintes, os valores serão pagos pelo governo, garantindo um período de doze meses de conectividade.

VIU ISSO?

–> Anatel quer usar Fust para ajudar operadoras durante a pandemia

–> Operadoras temem apagão na internet

–> COVID-19: Claro vai arrecadar recursos para moradores de favelas

A prestação do serviço de internet banda larga inclui a instalação, ativação, operação e manutenção do acesso. A preferência é que a conexão seja por meio de fibra óptica e que tenha atendimento e monitoramento das prestadoras durante 24 horas, 7 dias por semana.

A segunda chamada do MCTIC engloba o bloco remanescente, com 8 mil postos de saúde.

“Nesta segunda chamada, em locais onde não existir disponibilidade de conexão dos postos em fibra ótica, será considerada alternativa em enlace de rádio de frequência licenciada ou livre e satélite”, diz o Ministério em nota.

Com informações de Teletime.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários