Exame de coronavírus dá positivo em funcionário da AT&T

Por cautela, operadora fechou lojas nos Estados Unidos.

Imagem: AT&T/Divulgação

Nesta quarta-feira, 4, a AT&T fechou temporariamente seis lojas em San Diego, nos Estados Unidos, após um teste inicial para o coronavírus dar positivo para um de seus funcionários. Ainda é preciso aguardar a confirmação de contraprova, mas a operadora preferiu adotar a ação de cautela.

Segundo fontes, o colaborador começou a se sentir mal em 2 de março, quando foi mandado pra casa. Ele tinha voltado recentemente de uma viagem à Itália, considerada pelos centros de controle e prevenção de doenças como uma área de alto risco.


As lojas em questão ficam em Chula Vista, Escondido, San Marcos, Oceanside, National City e Vista. Os locais foram limpos nas áreas que esse funcionário e outros colegas de trabalho podem ter visitado recentemente. Os estabelecimentos foram reabertos nesta quinta-feira.

Quanto aos colaboradores que tiveram contato com o funcionário com a suspeita de contágio do coronavírus foram orientados a seguir diretrizes de quarentena durante 14 dias, evitando se aproximar de qualquer outra pessoa até segundo aviso.

O funcionário testado não teve contato direto com clientes da operadora.

VIU ISSO?

–> Operadoras vão ajudar no combate ao coronavírus no Brasil

–> Na Itália, TIM suspende eventos públicos por conta do coronavírus

–> Coronavírus está atrasando a expansão do 5G na China

Diante do caso, a cidade de Chula Vista, localizada no estado norte-americano da Califórnia, emitiu o seguinte comunicado:

“Em 4 de março de 2020, a cidade de Chula Vista foi informada pelas autoridades de saúde do condado de San Diego que um indivíduo recentemente apresentou um teste positivo presuntivo para COVID-19 e teve contato próximo, porém mínimo, com pessoas na cidade de Chula Vista.
O indivíduo é residente de outro condado da Califórnia e havia viajado recentemente para uma região de alto risco, conforme definido pelo Centro de Controle de Doenças dos EUA (CDC).
As autoridades de saúde do condado entraram em contato com as pessoas que se acredita estarem em contato próximo com o indivíduo. Embora as autoridades de saúde do condado indiquem que o risco para outras pessoas é baixo, as autoridades do condado aconselharam todas as pessoas envolvidas a seguirem as orientações do CDC para se auto-quarentena. Estas pessoas continuarão sendo monitoradas por 14 dias.
A cidade de Chula Vista está fornecendo essas informações por uma abundância de cautela. A cidade de Chula Vista acredita que o risco atual para a nossa comunidade é baixo e continuará a se coordenar com o condado de San Diego para monitorar a situação em andamento.”

Com informações de Fox 5 e ABC 10 News.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários