Todas as cidades chinesas terão cobertura 5G até o final de 2020

China já implantou 126 mil antenas com suporte à conexão de quinta geração.

Enquanto o leilão do 5G no Brasil segue sem data para ocorrer, o governo chinês não apenas liberou o uso comercial da conectividade de quinta geração, mas pretende levá-la para todos os municípios do país até o final de 2020.

Em reunião, o MIIT (sigla para Ministério da Indústria e Informatização) da China informou que em 2019 já foi implantado 126 mil estações rádio-base 5G em todo o país. A construção dessa infraestrutura tem sido feita pelas três principais operadoras do país, as estatais China Telecom, China Mobile e China Unicom.


A China aprovou o uso da conexão móvel super-rápida em junho, o que gerou forte entusiasmo dos consumidores e acelerou os investimentos na indústria. O governo chinês pretende impulsionar a construção da infraestrutura no próximo ano.

Ao mesmo tempo, as remessas de smartphones com suporte ao 5G teve um aumento considerável, atingindo 8,4 milhões de unidades nos últimos 11 meses. Os aparelhos são fabricados principalmente pela ZTE, Xiaomi Huawei e Samsung.

VIU ISSO?

–> China Mobile deveria comprar a Oi?

–> Nova estratégia dos EUA pode barrar 5G da Huawei no Brasil

–> Em 2025, 11% dos acessos móveis no Brasil será em 5G, diz relatório

Durante o ano, 24 novos modelos de celulares foram lançados custando menos de 2 mil yuans (em torno de R$ 1.170).

Em 2020, a China deve se tornar o maior mercado de smartphones 5G do mundo, comercializando 80 milhões de aparelhos, segundo relatório da Strategy Analytics.

Com informações de Xinhua News.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
0 Comentários
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários