Telefónica Vivo escolherá segundo fornecedor além da Huawei para 5G

Companhia pretende diminuir a sua dependência com a empresa chinesa.

Foto: Echo Grid/Unsplash

A Telefónica, dona da Vivo, pretende contratar no próximo ano um segundo fornecedor para a sua infraestrutura de 5G na Espanha, para equilibrar a sua dependência da Huawei. Atualmente, a maioria dos equipamentos das redes 3G e 4G da operadora no país foi fabricada pela gigante chinesa.

Recentemente, a Telefónica selecionou a Huawei para o seu sistema central que governa a rede 5G espanhola. No entanto, ela pretende criar um novo núcleo com equipamentos de outro fabricante, que pode ser da Ericsson, Nokia ou um dos novos fornecedores dos EUA, como Afirmed ou Mavenir.


A nova estratégia da companhia é de não confiar em apenas um único provedor de equipamentos. Assim, seria possível utilizar dois núcleos para atribuir a cada um deles categorias de serviço ou segmentos de clientes diferentes.

Apesar do lobby do governo de Donald Trump, ainda não existe uma posição política comum na Europa em torno da Huawei. A empresa está envolvida há anos em uma polêmica com os Estados Unidos, que a acusa de ser uma ameaça à segurança do ocidente.

VIU ISSO?

–> Novos celulares da Huawei já não tem componentes fabricados nos EUA

–> Governo não vai restringir tecnologia chinesa, diz Marcos Pontes

–> EUA proíbem operadoras de utilizarem equipamentos da Huawei

Por enquanto, a Telefónica, bem como outras operadoras não têm interesse em dispensar um fornecedor com os equipamentos mais avançados e preços mais competitivos da atualidade.

No Brasil, a Telefónica optou por tornar a Huawei o principal fornecedor da Vivo. Entre 60% e 70% das estações bases brasileiras da operadora são fabricadas pela chinesa, e o restante da rede 4G é fornecida pela Ericsson.

Com informações de Expansion.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

1
DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, FAÇA LOGIN para comentar
1 Número de Comentários
0 Número de Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário com mais interação
1 Autores de comentários
Alex Guerra Souza Autores recentes de comentários
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Alex Guerra Souza
Colaborador
Alex Guerra Souza

A HUAWEI DEVERIA TERCEIRIZAR A PLANTA INTERNA DA VIVO , TBM

Cidade - UF
SP