Governo suspende serviços de telefonia e internet na Índia

Iniciativa serve para abafar manifestações públicas contra aprovação de nova lei.

Foto: Reprodução

Nesta quinta-feira, 19, autoridades indianas tentaram conter as manifestações públicas contra uma nova lei de cidadania, interrompendo os serviços de voz, mensagens e internet em várias cidades do país, afetando milhares de pessoas.

A legislação em questão pretende tornar cidadãos todos os migrantes que entraram ilegalmente na Índia, desde que eles pertençam a uma das seis religiões do país, como o hinduísmo, budismo e cristianismo. No entanto, a lei exclui o islamismo, fé que é praticada por 200 milhões de indianos.


O governo diz que a proposta é humanitária, mas manifestantes em todo o país diz que ela é discriminatória e inconstitucional. Desde a aprovação da nova lei, na semana passada, protestos agitam o país, alguns deles se tornando violentos.

As operadoras locais Bharti Airtel e Vodafone Idea receberam ordens das autoridades para interromper as comunicações em cinco áreas do país, principalmente em localização onde protestos estão planejados, para impedir a violência e os distúrbios.

VIU ISSO?

–> Internet gratuita deveria ser um direito humano básico, diz estudo

–> Operadoras auxiliam campos de refugiados com cobertura, diz ONU

–> Ericsson: 1,9 bilhão de pessoas seguirá sem 3G, 4G ou 5G até 2024

As empresas desligam as redes celulares nas torres que fornecem serviços de telecomunicações para a população.

Esse tipo de iniciativa tem se tornado comum no país. Segundo o grupo de direitos humanos Access Now, desde 2012, a Índia registrou 373 paradas no serviço de internet, se tornando líder mundial em interrpuções do tipo.

Porém, China e Coreia do Norte, que tem políticas mais restritivas ao acesso à internet, não aparecem nos índices do Access Now devido à falta de dados acessíveis ao público.

Com informações de Reuters e The Washington Post.

A SKY tem o plano ideal para a sua TV! Aproveite já com 50% de desconto no primeiro mês. Ligue 0800 123 2040.

COMPARTILHAR EM:

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
1 Comentário
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários
Rafael Hipólito

Qualquer governo comandado por líderes religiosos é instável e anti democrático, (ex: vários países do Oriente Médio).

Cidade - UF
São Paulo - SP