Bispos pedem boicote à Netflix

Religiosos acusam a plataforma de desrespeitar a imagem de Jesus Cristo; entenda a polêmica.

Imagem: Reprodução Netflix

O sucesso do canal humorístico Porta dos Fundos, do YouTube, ultrapassou barreiras e chegou em outras janelas de transmissão. Uma delas é a Netflix, que adicionou o especial de Natal “A Primeira Tentação de Cristo” em seu catálogo. O filme é estrelado pelos comediantes Fábio Porchat e Gregório Duvivier.

No entanto, o conteúdo despertou a ira dos religiosos. Em um post do Facebook, Henrique Soares da Costa, bispo da Diocese de Palmares (PE) pede que os fiéis cancelem a assinatura do serviço pelo desrespeito a Jesus Cristo.


A publicação conta com mais de 2,7 mil curtidas, 569 comentários e 2,4 mil compartilhamentos.

“Imaginem um filme debochado e desrespeitoso ao extremo com alguém a quem você ama – com o seu pai, com a sua mãe, com coisas que lhe são muito caras e definem e alicerçam a sua vida… Como reagir? O ideal seria uma ação judicial. Mas, com a desculpa de liberdade de expressão, todo lixo é permitido, todo sarcasmo para com a fé alheia e louvado, tudo quanto trinca e corrói os alicerces da nossa cultura e da nossa sociedade é reputado como avanço e progresso…”, comentou o religioso.

O desabafo de Henrique Soares da Costa motivou até mesmo abaixo-assinado para que a Netflix retire o filme do seu catálogo. A petição online já conta com mais de 600 mil assinaturas.

VIU ISSO?

–> Globo e Netflix se unem pelo streaming; entenda o motivo

–> Amazon Prime Vídeo avança frente à Netflix

–> Globo se prepara para competir com a Netflix pelo mundo

Na trama, Jesus, interpretado por Gregório Duvivier, está prestes a completar 30 anos e é surpreendido por uma festa de aniversário quando volta do deserto com o namorado Orlando, vivido por Fábio Porchat.

O protagonista do especial, Gregório Duvivier, comentou sobre o abaixo-assinado, mas, no dia, o manifesto online estava com apenas 300 mil assinaturas. Agora, o número dobrou.

“Sim, vi que são quase 300 mil pessoas. Acho que fizemos algo errado, porque é muita pouca gente. Da próxima vez, acho que vale pegar mais pesado. O Porta tem quase 20 milhões de inscritos. 300 mil é um fiasco. Mas de qualquer jeito, vale pra medir a audiência. Pelo menos 300 mil pessoas viram. É mais que a base de apoio do Bolsonaro”, comentou o ator.

Abaixo, a publicação do bispo:

Sem Netflix:um simples e belo presente para o Deus nascido da Virgem Eu era assinante da Netflix. Nesta semana,…

Posted by Dom Henrique Soares da Costa on Saturday, December 7, 2019

No ano passado, o especial de Natal “Se beber, não ceie”, também do Porta dos Fundos, gerou incômodo nos religiosos, mas não na crítica realizada. Os humoristas ganharam o prêmio Emmy Internacional pela produção, considerado o Oscar da TV mundial.

Com informações de UOL

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

1
Deixe um comentário

Por favor, faça login para comentar
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
R2D2
Colaborador
R2D2

Eu proponho que a Netflix faça um especial com Maomé gay, será que a turma da lacração topa???
Enquanto isso também cancelei minha assinatura.

Cidade - UF
Saint Louis