5G pode ser essencial para descongestionar 4G

Pacotes de dados cada vez mais baratos e alto volume de ativações dos chips 4G contribuem para uma sobrecarga.

Ilustração 5G
Imagem: Flickr

Muito se fala em cidades digitais, carros autônomos, novas tecnologias e isso significa que as expectativas para a chegada do 5G são altíssimas no mundo todo. No entanto, a realidade pode ser um pouco diferente e mais lenta do que todos imaginam.

De fato, a conectividade de quinta geração representa muito mais do que uma nova versão do 4G, mas até a conexão conseguir atingir todo o seu potencial, em vários países, são vários processos.


Leilões, espectros, burocracias, interferências e todas as questões que acompanhamos semanalmente pelos noticiários. Os menos otimistas apostam que, ao menos no início, o 5G não será tão diferente do 4G.

Mas o debate impede que analistas e empresas enxerguem o principal benefício inicial da tecnologia, que será o descongestionamento da quarta geração da conectividade. Segundo o TeleBrasil, o Brasil ativou 27,5 milhões de chips 4G só em 2018.

VIU ISSO?
4G já atende a 96,2% da população brasileira
Confira a primeira chamada holográfica via 5G
TIM tem a melhor cobertura 4G e Claro se destaca na velocidade

As maiores variações na velocidade de conexão ocorrem nos horários de pico, no qual o uso é mais frequente. Isso é gerado pelo congestionamento da rede e se o 5G não surgir para aliviar, as coisas podem piorar.

O Brasil é visto como um dos quatro países estratégicos para desenvolvimento da tecnologia em colaboração conjunta com China, Japão e Coréia do Sul.

A rede vai melhorar a latência móvel e trará mais qualidade até mesmo para as chamadas VoIPs. Mas para isso, as operadoras precisarão implantar um núcleo de rede da quinta geração.

Há planos mais ambiciosos para a nova geração de conectividade móvel, mas a necessidade atual é essa. A operadora que se atentar na questão mostrará um posicionamento mais realista para os consumidores.

Com informações do ComputerWorld

About Anderson Guimarães
Jornalista com cinco anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop.

3
Deixe um comentário

avatar
2 Número de Comentários
1 Número de Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário com mais interação
3 Autores de comentários
Willamys SouzaLucasJefferson Autores recentes de comentários
  Cadastre-se  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Jefferson
Visitante
Jefferson

4G da Claro tá ficando uma vergonha.

Cidade - UF
Recife - PE
Lucas
Visitante
Lucas

É o da Tim nem se fala

Cidade - UF
Osasco SP
Willamys Souza
Colaborador

Não tem nem 3g direito vai ter 5g

Cidade - UF
Maceio