Desmantelada a maior rede de TV pirata da Europa

Operação coordenada tirou do ar a plataforma Xtream Codes; mais de 700 mil pessoas ficaram sem o serviço ilegal de IPTV.

A Xtream Codes, a maior organização de distribuição ilegal de canais televisivos da Europa foi desmantelada por uma operação coordenada entre o gabinete do procurador da República de Roma, a agência de justiça Eurojust e do serviço europeu de polícia (Europol).

A plataforma vendia packs para revenda de canais online chamados de IPTV, um método de transmissão de sinais através de redes IP. O Xtream Codes tinha mais de 5 mil clientes, que distribuíam o serviço para 50 milhões de clientes finais. No momento das buscas, 700 mil usuários estavam conectados.


Os clientes pagavam entre 15 e 59 euros mensais (R$ 69 a R$ 271) para assistir ao conteúdo televisivo.

A operação Maxi envolveu 100 oficiais e está atualmente atuando em toda a Europa. A partir de uma pesquisa técnica foi possível identificar a origem dos sinais. Mais de 200 servidores foram desligados e 150 contas no PayPal foram bloqueadas.

VIU ISSO?
–> Anatel quer sugestões de ações de combate à pirataria em telecom
–> Ensinar pirataria no YouTube pode gerar 6 meses de prisão
–> Anatel lança site de combate à pirataria

A intervenção envolveu a Itália, França, Bélgica, Holanda, Alemanha, Bulgária e Grécia. Somente na Itália, estima-se que o negócio movimentava 2 milhões de euros por mês (mais de R$ 9 milhões).

No Brasil, estima-se que a pirataria dos sinais de TV Paga custe R$ 9 bilhões para operadoras, proprietários de conteúdo, setores correlatos e impostos. Segundo levantamento da Associação Brasileira de Televisão por Assinatura (ABTA) pelo menos 4,2 milhões de brasileiros que acessam plataformas piratas.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.

3
DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, FAÇA LOGIN para comentar
3 Número de Comentários
0 Número de Respostas
0 Seguidores
 
Comentário mais reagido
Comentário com mais interação
3 Autores de comentários
NabruMarcelo AlvesEverton Autores recentes de comentários
  Acompanhar esta matéria  
o mais novo mais antigo mais votado
Notificação de
Everton
Visitante
Everton

Show! Menos um pirata! Tem que pegar mais!

Cidade - UF
Paulista-PE
Marcelo Alves
Colaborador
Marcelo Alves

No Brasil não tem pirataria , as autoridades brasileiras faz a fiscalização , os brasileiros preferem pagar.

Cidade - UF
Cubatão
Nabru
Visitante
Nabru

País de primeiro mundo é assim, se combate o crime e ninguém defende a impunidade. (ao contrário de um certo Brasil)

Cidade - UF
Florianópolis - SC