Claro tem a internet móvel mais rápida do Brasil, segundo SpeedTest

Velocidade de download da operadora é 47% acima da média nacional e 36% maior que a segunda colocada, a Vivo.

A empresa Ookla, que oferece o serviço SpeedTest, acaba de premiar a operadora Claro com o prêmio “Speedtest Awards” de internet móvel mais rápida do Brasil. Além do serviço mobile, a operadora também recebeu o prêmio de melhor banda larga fixa.

Para conquistar o prêmio, a Claro atingiu nos testes o Speed Score de 28,59, apresentando velocidade média de 31,77 Mbps para download, sendo 47% acima da média (21,55 Mbps). Com isso, a operadora ficou na frente da Vivo (23,41 Mbps), TIM, (15,09 Mbps), Oi (14,02 Mbps) e Nextel (8,62 Mbps).

Em Belo Horizonte, por exemplo, a Claro atingiu média de 48,18 Mbps no download durante os testes.

Na velocidade de upload a Claro apresentou velocidade de 10,75 Mbps, também acima da média do mercado (8,75 Mbps).

VIU ISSO?
–> TIM tem a melhor cobertura 4G e Claro se destaca na velocidade
–> 4G já atende a 96,2% da população brasileira
–> Wi-Fi 6: Internet melhor e mais rápida está chegando

Com a Claro net, a operadora também recebeu o prêmio de banda larga fixa mais rápida do país, atingindo a pontuação 45,52. Com média de 120,19 Mbps no download, ela ficou à frente da TIM Live (103,21 Mbps), Vivo (100,89 Mbps) e Oi (35,36 Mbps). A média das operadoras é de 82,52 Mbps.

Já na velocidade de upload, a Vivo alcança a dianteira, com velocidade média de 70,70 Mbps, seguida da TIM Live (61,38 Mbps), Claro (11,75 Mbps) e Oi (10,53 Mbps).

Para realizar o estudo, a Ookla considera apenas as principais operadoras. Em seguida, é determinado o Speed Score com base nas velocidades médias de download e upload, em todo o Brasil, de cada empresa para classificar o desempenho da rede. No índice, 90% dele é atribuído a velocidade de download e o restante ao upload.

About Hemerson Brandão
Jornalista, gestor e produtor de conteúdo. São 8 anos trabalhando com blogs, revistas, agências e clientes corporativos. Apaixonado por ciência, tecnologia e exploração espacial.
Acompanhar esta matéria
Notificação de
10 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários