InícioDefesa do ConsumidorCliente será indenizado por instalação inadequada da Oi

Cliente será indenizado por instalação inadequada da Oi

Técnico derrubou uma furadeira na cabeça do assinante, que teve que passar por cirurgia.

Acidentes acontecem, mas quando a vida de um consumidor é colocada em risco, representam um sinal de alerta. Nas últimas semanas, a Oi junto com a Líder Telecom Comércio e Serviço em Telecomunicações foram condenadas a pagar R$ 15 mil de indenização para um cliente.

Na ocasião, no momento em que um técnico fazia a instalação da antena de TV por assinatura, o cliente recebeu o pedido para segurar a escada e acabou sendo atingido por uma furadeira graças a imprudência do funcionário.


O técnico era um contratado da Líder Telecom, que prestava serviços para a Oi. O profissional em questão derrubou a furadeira na cabeça do assinante, que sofreu graves danos.

VIU ISSO?
– Ação da Oi levará clientes para a Game XP
– Rodrigo Abreu será o novo presidente da Oi
– Oi Controle volta com oferta de 12GB por R$ 49,90

No relato, ele afirma que precisou se submeter a um procedimento cirúrgico, com internação em unidade hospitalar. O homem, inclusive, relatou que o funcionário e a empresa não lhe prestaram socorro no momento.

Em análise, o magistrado afirmou que o fornecedor de serviços responde, independente da existência de culpa, pela reparação dos danos causados aos consumidores. Principalmente se relacionados a defeitos da prestação de serviços, assim como informações suficientes ou inadequadas sobre os ricos.

O juiz Thulio Marco Miranda, da comarca de Senador Canedo, região metropolitana de Goiânia, foi o responsável pela sentença.

“Compulsando os autos, vislumbra-se que, de fato, o acidente decorreu da inobservância dos cuidados necessários à prestação do serviço pelo funcionário da empresa denunciada”, ressaltou.

Para Thulio, a empresa requerida e a denunciada deixaram de prestar socorro e auxílio, mesmo com um funcionário que poderia ter informado sobre o ocorrido.

Procurada pela redação do Minha Operadora, a Oi ainda não se manifestou sobre o caso.

Anderson Guimarães
Jornalista com seis anos de experiência em produção de conteúdo digital. Passagens por eventos nacionais, mídias sociais e agências de publicidade. Apaixonado por tecnologia e cultura pop. E-mail: [email protected]

9 COMENTÁRIOS

Acompanhar esta matéria
Notificação de
9 Comentários
mais antigo
mais novo mais votado
Comentários embutidos
Exibir todos os comentários